• Home
  • Dicaterapia
  • Parceiros
  • Resenhas
  • Políticas
  • Contato
  • Resenha: Cake's Helô, de Julie Lopo

    CAKE´S HELÔ
    Autora: Julie Lopo
    Editora: Planeta Literário - PL
    Páginas: 93
    Skoob

    Sinopse: Heloise tinha o sonho de abrir seu próprio negócio, uma confeitaria. Quando seu sonho se concretiza, ela consegue bem mais do que uma realização. O destino lhe traz um rapaz bonito, inteligente, talvez um pouco mal-humorado demais.

    Mas o que fazer quando não se tem vontade de beijar alguém?

    Será que ele conseguiria derrubar suas barreiras e provar para Heloise que se jogar de cabeça em um relacionamento tem suas vantagens?

    E Heloise poderia mostrar o lado doce da vida para um policial rabugento?
    Olá Leitores!
    Trago para vocês a resenha de um livro delicioso!
    Vamos conhecer esse curtinha e envolvente história?

     Heloise, ou Helô, é uma jovem de 22 anos que não gosta de beijar!

    Nossa protagonista foi criada com homens super protetores e seu avó a "ensinou" que o beijo não passava de uma simples troca de baba e bactérias. Assim, Helô cresceu com uma verdadeira aversão ao ato de beijar. Para piorar a situação, seu único e primeiro ficante não beijava muito bem. 

    Helô cresceu e assim como a maior parte da sua família, decidiu trabalhar com o que tanto amava: Gastronomia! Só que ao invés de trabalhar no restaurante da família, optou por abrir sua própria confeitaria, repleta de doces, tortas e cupcakes deliciosos!

    Rapidamente Helô conquistou vários clientes, inclusive policiais, já que sua loja ficava bem próximo de uma delegacia. Mas um cliente em especial chamou a atenção de Helô, o sério policial Hugo. Apesar da sua aparência incrível e do seu jeito um tanto fechado, o que mais despertou a curiosidade de Helô foi o fato do policial pedir apenas um café e não provar todas as delícias que ela produzia.

    Após um longo dia de trabalho, Helô decide ir a um barzinho perto de sua casa para tomar alguma bebida e relaxar. Lá, um jovem e bonito rapaz conversa com ela e oferece para pagar uma bebida. Acontece que ele coloca algo no drink da jovem.

    Poderia ter acontecido uma enorme tragédia, se justamente nesse momento, alguns policiais, dentre ele o misterioso Hugo não tivessem percebido a situação e terem agido rapidamente para salvar Helô.

    O que Helô nunca imaginou é que essa não seria a primeira vez que o policial salvaria sua vida...


    Uma verdadeira doçura!
    Cake's Helô vai cativar você.

    Confesso que senti vontade de ler esse livro assim que pus os olhos nele. Adorei a capa, o título e já conhecia a escritora. Assim, sabia que algo bom viria por aí. Cake's Helô é um conto curtinho, mas cativante e envolvente.

    A narrativa simples e os acontecimentos ocorrem de forma rápida, mas o leitor consegue acompanhar bem os fatos. A autora consegue prender a atenção do leitor desde as primeiras páginas, com um enredo divertido e romântico. Por falar nisso, a história daria um ótimo filme de comédia romântica.

    As personagens são divertidas e bastante humanas. Afinal, quem nunca teve uma família protetora e tias curiosas? Destaco a personalidade de Helô, que cresce ao longo do livro e se mostra uma mulher forte e determinada.

    O desfecho foi ótimo! Apesar de já imaginar como a história terminaria, afinal temos ótimas pistas ao longo do caminho, foi maravilhoso acompanhar essa curtinha aventura de Helô e Hugo. A autora deixou toda a história amarradinha e tenho certeza de que os fãs vão adorar!

    A edição da Editora Planeta Literário - PL está maravilhosa! Li em e-book no Kindle e adorei. Sem falar nessa capa maravilhosa 💙💙💙

    Queria contar mais detalhes desse livro para vocês, mas com certeza estragaria a história! Poor isso, finalizo recomendando a leitura de Cake's Helô, de Julie Lopo para todos aqueles que curtem histórias divertidas, românticas, repleta de aventuras e com finais que nos fazem suspirar! Leiam, vocês irão adorar!

    Gostaram do livro?
    Conheciam?
    Ficaram curiosos para conhecer a história de Helô e Hugo?
    Comentem!

    Abraços e até mais.

    0 comentários :

    Postar um comentário