• Home
  • Dicaterapia
  • Parceiros
  • Resenhas
  • Políticas
  • Contato
  • Resenha: Amor em jogo, de Simone Elkeles


    AMOR EM JOGO
    Autora: Simone Elkeles
    Editora: Globo Livros
    Páginas: 360

    Sinopse: Ashtyn Parker já está acostumada a ser abandonada, e aprendeu a não se deixar envolver demais em nenhum relacionamento. Quando sua irmã mais velha volta para casa, depois de dez anos, com um enteado a tiracolo, ela não quer saber de nenhum dos dois. O que Ashtyn não esperava é que o tal garoto mal-encarado e sem nenhum limite seria também... Irresistível. Depois de ser expulso do colégio interno em que estudava, Derek Fitzpatrick não teve outra escolha senão ir morar com a esposa de vinte e poucos anos de seu pai, que está viajando pela Marinha. Além de ter que aturar a madrasta, ele recebe a notícia de será obrigado a se mudar da Califórnia para sua cidade natal, Illinois. A vida não tinha mesmo como ficar pior... Ashtyn se esconde atrás de uma fantasia da vida perfeita: boa aluna, a única menina – e capitã! – do time de futebol americano da escola e namorada do quarterback promissor. Tudo parecia um conto de fadas. Ainda assim, ela se sente deslocada, e tem um plano para deixar tudo pra trás e correr em busca da bolsa de estudos em alguma faculdade bem longe de sua vida atual. Tudo o que Derek menos quer é participar de mais um drama familiar – já bastam os seus. Agora, ele se vê preso a uma casa estranha, com pessoas que não conhece e em uma cidade bem diferente do que está acostumado. O que ele não esperava era que aquela garota briguenta e fã de junk food seria capaz de mexer tanto com seus sentimentos. Ainda mais ele, tão acostumado a descartar meninas por aí. Para azar – ou sorte!? – de Ashtyn e Derek, o destino ainda guarda mais uma reviravolta na manga. Mesmo com hábitos, ideias e sonhos completamente opostos, um desejo incontrolável surge entre os dois e, juntos, eles enfrentarão o desafio de vencer os preconceitos e os tabus da cidade em que vivem, além de seus próprios medos, para se entregarem completamente a uma paixão avassaladora.

    Olá Leitores!
    Trago para vocês a resenha de um livro que me conquistou por sua simplicidade e leveza.
    Quem gosta de um bom Young Adult não pode deixar de conhecer esse livro.
    Vamos lá?

    Derek Fitzpatrick é um jovem que acabara de ser expulso de um colégio interno. Ele não é tanto assim de aprontar, mas dessa vez não foi possível se livrar da punição. Com o pai militar em algum lugar do oceano, o jovem não teve alternativa senão ir morar com sua madrasta,Brandi tendo que deixar a Califórnia para ir à Chicago.

    Ashtyn Parker possui uma grande paixão: Futebol americano. A garota é a única mulher do seu time e faz muitos garotos morrerem de inveja da sua habilidade, tanto que foi eleita a capitã do time em que joga. Ela mora apenas com o pai, já que sua mãe os abandonou e sua irmã foi embora há mais de dez anos.

    Em um dia um tanto complicado para Ashtyn, ela percebe que existe um estranho em sua garagem. Visando se proteger, ela o ataca e prende naquele local e sai em busca de ajuda. Para sua surpresa, sua irmã Brandi está em casa, junto com seu filho Julian e o enteado, Derek, o garoto que ela acabou de atacar.

    A atração entre Derek e Ashtyn é quase que imediata! Mas, claro, nenhum dos dois quer admitir isso. Ashtyn odeia o fato dele ser um garoto super saudável, bagunceiro e quando a chama de docinho de coco. Sem falar que ela tem namorado. Já Derek não quer saber de envolvimento, principalmente com uma garota que gosta tanto do esporte que um dia já fez parte da vida dele.

    Os dias passam e a proximidade entre os dois só aumenta. Morando na mesma casa e tendo que dividir algumas rotinas está cada vez mais difícil ignorar a presença do outro. E quando Ashtyn e Derek precisam fazer uma viagem de carro juntos, eles perceberão que nem sempre é possível ficar preso ao passado e que possuem mais em comum do que imaginam.

    Será que os sentimentos e o amor pelo futebol será capaz de uni-los?


    Deliciosamente envolvente.

    Amor em jogo é um desses livros que te prendem até a última página com uma história que causará um verdadeiro misto de emoções.

    Este é o meu primeiro contato com a escrita de Elkeles e fique encantada com a forma simples e cativante que ela nos conta a história.

    A narrativa é intercalada pelos pontos de vista de Derek e Ashtyn, o que nos proporciona uma ampla visão da história e conhecemos melhor os sentimentos que um nutre pelo outro. Confesso que fiquei triste em alguns momentos e dei altas risadas em outros e isso que tornou a obra tão perfeita para mim. 

    As personagens foram criadas com muito cuidado e carinho. O casal é completamente diferente, mas em alguns momentos parecem ser iguais devido as suas histórias e seu passado. As personagens secundárias também são importantes e possem participação ativa na história.

    A autora discute questões importantes na obra como a valorização da família, das amizades, o bullying, a igualdade de gêneros entre outros, de forma sutil.

    O desfecho, apesar de previsível, foi perfeito. Gostei muito de como os acontecimentos foram desenvolvidos até chegarmos ao clímax. Acredito que os fãs do gênero ficarão felizes com o final. A diagramação é simples. Não encontrei erros e a capa revela um pouco desse amor jovem.

    Recomendo a leitura de Amor em jogo para aqueles que buscam uma história leve, cativante, com ótimas personagens e um desfecho encantador.

    Gostaram?
    Ficaram curiosos para saber o desfecho de Derek e Ashtyn?
    Já leram ou querem ler?
    Comentem!

    Abraços e até mais.

    25 comentários :

    1. Oie...
      Adorei sua resenha!
      Adoro livros em que o leitor passa por um misto de emoções, pois isso dá um toque de realidade para a obra. Por mais que tenha tido um final previsível, quando é bem trabalhado acaba sendo aceitável.
      Fiquei com vontade de ler.
      Beijos

      ResponderExcluir
    2. Ola
      Eu também ja fiz essa leitura e adorei poder conferir suas impressões a respeito. Sou suspeita em comentar, mas admiro muito a narrativa da autora e esse desenvolvimento foi otimo. Fico feliz que você tenha curtido.. sua opinião se parece totalmente com a minha <3
      Beijos, Fer
      www.segredosemlivros.com

      ResponderExcluir
    3. Oi Rizia,

      Acabei de ler um livro super pesado, então estou em busca de um bem leve e envolvente, o que trouxe a sua dica no momento certo. Haha. Adoro quando o romance flui bem e eu me perco nas páginas. Provavelmente é o que acontecerá nesse livro. Adorei suas considerações, anotada a dica.

      bjs =)

      ResponderExcluir
    4. Oi Rizia, li este livro ano passado e achei uma delicinha. Como você disse, apesar do final ter sido previsível, foi perfeito e é aquele tipo de livro gostoso pra entretenimento. Não sei se você sabe, mas a autora fez uma web serie com estes personagens no youtube. É bem gostosinho de assistir também. Aqui o primeiro episódio https://youtu.be/4bfSfG5AECY

      MEU AMOR PELOS LIVROS
      Beijos

      ResponderExcluir
    5. Oi Rízia,
      Gostei bastante da sua resenha e a foto ficou linda. Vi que voce gostou bastante da historia e a resenha nos passa isso. Infelizmente o livro em si não me chamou a atenção pois não gosto muito de romances e também achei alguns pontos da trama bem clichês.
      Beijos
      Blog Relicário de Papel

      ResponderExcluir
    6. Olá.
      Eu amei esse livro, realmente a escrita da autora te prende e você só consegue largar no fim.

      Sobre o fim, eh clichê sim, mas acho que é o fim que todo mundo esperava.

      Gostei.

      ResponderExcluir
    7. Olá Rizia,
      Estou com esse livro em casa para ler, mas fico adiando a leitura porque acho essa capa muito feia :(
      Gostei muito de conhecer suas impressões, de saber que, apesar do final previsível ele foi perfeito e que a autora discute temas importantes. Acho que a leitura vale à pena e vou tentar fazer no começo do ano que vem.
      Beijos,
      Um Oceano de Histórias

      ResponderExcluir
    8. Olá,
      Adorei a resenha.
      Estes livros que prendem até o fim, é o melhor tipo de leitura. E quanto a ser clichê, ultimamente é o que mais tem né ?! Sempre mais do mesmo.
      Beijos
      www.estilo-gisele.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    9. Olá´´a
      ja li o livro e confesso que adorei, queria muito ler o segundo que saiu recentemente, adorei a história, narrativa, personagens e tudo mais, sua resenha ficou ótima

      beijos
      http://realityofbooks.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    10. Olá, tudo bem por aí?

      Eu achei a premissa dessa obra muito interessante e sua resenha me fez querer mais ainda lê-la. Eu não conhecia a autora, assim como a história, mas acho que vou dar uma chance. Ah, e eu achei essa capa linda!

      Abraços!
      www.acampamentodaleitura.com

      ResponderExcluir
    11. Olá,

      Não conhecia o livro, mas gostei da premissa apresentada. Achei legal a autora tratar de temas importantes como do bullying e fiquei curiosa para saber sobre o desfecho, ainda que tenha sido previsível. Dica anotada!

      http://www.virandoamor.com/

      ResponderExcluir
    12. Hey, não lembro se eu já li essa história ou se eu só vi essa capa em diversos lugares e por isso me parece familiar... Seja como for, já me interessei bastante pela história e principalmente pelo romance envolvido nela entre os dois. Adoro quando histórias são dessa forma e não vejo a hora de poder ler e conferir o que te fez chorar e o que te fez rir durante as páginas.
      Um beijo
      www.brookebells.com

      ResponderExcluir
    13. Oi Rízia, tudo bem?
      Pela sua resenha, essa me parece ser uma história bem fofa! Achei legal saber que a primeira impressão que um personagem tem de outro não foi muito legal e que eles precisam se adaptar a nova rotina, já que passarão a morar juntos, e deve ser incrível quando ambos perceber que tem mais em comum do que imaginam. Espero muito conhecer essa história.

      Beijos! ♥

      ResponderExcluir
    14. Olá
      Não conhecia o livro, mas a premissa e interessante, uma menina amante de esporte, foge um pouco do que estamos acostumados a ler, e isso me agrada muuuuito.
      Fiquei curiosa para conhecer um pouco mais da obra, parece ser bem viciante a leitura.A capa está linda.Parabéns pela sua resenha, foi no toque certo para me deixar super curiosa com a estória.
      Beijos.

      ResponderExcluir
    15. Parece um livro gostoso de ler, daqueles que te prendem bastante. Gosto desse estilo, vou tentar ler. Tenho "A garota dele".
      www.belapsicose.com

      ResponderExcluir
    16. Olá, não curto muito YA, mas os personagens trazidos por você nessa resenha me encantaram. Pela forma diferente de ser de cada um, pela forma como eles desenvolvem uma relação forte e encantadora. Gostei da escrita da autora, e assim como você até agora não li nada dela, mas agora pretendo me aventurar neste livro.
      A maioria desses livros, realmente tem um final nem um pouco surpreendente, por isso as vezes não gosto de ler este gênero, mas este vou anotar sim.

      ResponderExcluir
    17. Parece ser um livro que prende o leitor de forma leve e envolvente, aqueles que são gostosinhos de ler. Gosto de YA, e fiquei curiosa sobre os personagens. Gostei de saber que observamos a história através dos dois pontos de vista.
      Bjim!
      Tammy

      ResponderExcluir
    18. Olá, tudo bem?
      Eu sou a louca dos YAs hahahhaha Se é YA eu já tô querendo ler :3
      Mas esse não me atraiu muito :(
      Gosto de YAs que tenham algum diferencial, magia, um elemento diferente, uma crítica muito forte... não sie bem explicar, mas AMOR EM JOGO me pareceu só uma história, uma história comum. E não que isso seja ruim, mas não é exatamente o que eu procuro no momento :P
      Mas quem sabe eu leia e acabe curtindo :) Porque livro é assim, só lendo mesmo para saber se vamos nos surpreender ou nos decepcionar.
      Beijooos
      http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    19. Oi Rízia! Mulher, quero esse livro! Adoro um clichê e sou a louca dos romances! Ainda não li nada da Simone, mas a premissa desse livro me deixou animada. Imagino que deve ter sido no mínimo divertido ler a cena da personagem trancando o garoto desconhecido..rs Abraços

      ResponderExcluir
    20. Oie, que bom saber que você gostou do livro, tenho visto vários elogios para ele. A princípio não me chama atenção por não ter algo ue surpreenda muito, mas achei interessante o fato de abordar valorização de amizade e bulling, e outros temas importantes. Também achei bacana o fato de ser uma leitura leve.

      ResponderExcluir
    21. Olá!

      Caramba, adorei a premissa desse livro, achei bem original a forma como a autora resolve fazer com que eles se conheçam. Foi uma situação bem embaraçosa, até engraçada, diria. Só por seus comentários percebi que a trama é realmente bem leve e fácil de acompanhar, vou anotar a dica sim. Obrigada!

      Ingrid Cristina
      Plataforma 9 3/4

      ResponderExcluir
    22. Oie, tudo bem??? Acho que pra quem curte um romance é uma boa pedida. Eu até leio, mas não com tanta frequencia e dessa forma, vou deixar passar a dica. Quanto ao final previsível, eu acho que as vezes a gente mesmo torce pra isso e fica sem chão quando foge do que a gente esperava, ainda mais se tratando de romance, onde finais são previsíveis né? huahauhuaa A velha história do viveram felizes para sempre, mas quando a história é envolvente a gente acaba relevando esse tipo de coisa. Bjossss

      http://porredelivros.blogspot.com

      ResponderExcluir
    23. Oi, Rizia

      Olha, li poucas resenhas desse título, não sei se o fato de conhecê-lo pouco contribui para que eu não veja diferencial nele. Para mim parece um clichê ambulante, como tantos outros do gênero.
      Mas o fato da menina jogar futebol americano é interessante, mas só isso não é suficiente pra mim. Quem sabe mais pra frente...

      Beijo

      ResponderExcluir
    24. Oiiii flor, ainda não tinha escutado falar nesse livro, ele não é muito meu estilo mas me deu uma vontadezinha de saber mais sobre o que acontece.
      Gostei muito do fato da menina ser jogadora de futebol americano e logo de cara atacar o garoto, prendendo-o. Isso por si só já mostra que essa é uma mocinha muito diferente! :)
      Beeeijos ;*

      ResponderExcluir
    25. Olá,
      Desconhecia a obra, mas já de cara fiquei bem interessada pelo fato de a protagonista ser meio diferente pelo fato de ser jogadora de futebol americano, a única menina no time!! O que remete à discussão de igualdade entre os gêneros e me chama muito a atenção.
      Sem contar é claro que fiquei intrigada para saber se ela e Derek irão se envolver e de que forma isso irá acontecer.

      https://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir