Resenha: Baía da Esperança, de Jojo Moyes

BAÍA DA ESPERANÇA
Autora: Jojo Moyes
Editora: Intrínseca
Páginas: 301
Skoob

Sinopse:  Liza nunca conseguiu fugir do passado. Mas nas praias paradisíacas da encantadora comunidade de Silver Bay ela ao menos encontrou a liberdade e a segurança que procurava se não para ela, para sua filha pequena, Hannah, até que Mike Dormer se hospeda no hotel que Liza administra com a tia.Um perfeito cavalheiro inglês, com roupas elegantes e olhar sério, Mike pode significar o fim de tudo que Liza trabalhou arduamente para proteger: não apenas o negócio da família e o lugar que tanto gosta, mas principalmente a convicção de que ela nunca amaria nem seria digna de amor outra vez.


Olá Leitores
Trago para vocês a resenha de um livro apaixonante!
É sempre um prazer ler os livros da Jojo Moyes, pois é garantia de uma boa história
Vamos conferir?


Baía da Esperança, de Jojo Moyes, nos transporta para um lugar mágico nos confins da Austrália. Uma área repleta de belezas e com habitantes cativantes que fazem de Silver Bay um paraíso.

Conhecemos Kathleen, Liza, Hannah. Três mulheres de gerações diferentes, pertencentes a mesma família. Kathleen é uma senhora que administra um hotel que outrora conhecera o luxo e a glória. Ela é famosa por ter pescado o maior tubarão de todos quando era pequena, mas atualmente dedica seus dias a administrar sua pousada. Liza é uma mulher séria, fechada, que passou por um grande trauma em sua vida. É também uma mãe dedicada e preocupada, que trabalha em um barco levando os turistas para observar os golfinhos e baleias. Já Hannah é uma garotinha inteligente e perspicaz e muito madura para sua e que adora o mar, mas estranhamente não pode aventurar-se nele, já que sua mãe, Liza, não deixa. Todas moram no hotel de Kathleen e vivem do que a baía oferece.

Outro personagem importante é Mike. Um empreendedor que vive em Londres, que está prestes a se casar, mas é enviado à Baía da Esperança para avaliar o local, a fim de construir um resort de luxo.

A vida dessas quatro personagens se cruzam quando Mike se hospeda na pousada de Kathleen. Lá ele conhece vários habitantes da ilha, seus trabalhos e o amor que sentem por aquele lugar, toda a flora e a fauna, especialmente as baleias. Também passa a admirar aquelas três mulheres tão fortes e sensíveis.

Após dias naquele lugar, Mike se sente cada vez mais próximo de tudo o que vê e a razão pela qual ele veio parar naquele lugar começa a se tornar cada vez mais secundária. Contudo, quando os habitantes da ilha descobrem que um resort está prestes a ser construído e que Mike está envolvido nisso, tudo mudará.

O que acontecerá com Mike, Liza, Kathleen e Hannah? Como a notícia impactará a vida de cada um deles? Será que a razão falará mais alto que os sentimentos?

Jojo Moyes vai surpreender você!


Sem palavras!

Mais uma vez Jojo Moyes cria uma história incrível, sensível, romântica e bastante cotidiana.

A narrativa é feita sob o ponto de vista dos personagens principais: Hannah, Kathleen, Liza, Mike e alguns secundários, numa espécie de mosaico de vivências e sentimentos, que vão construindo a história e oferecendo ao leitor uma perspectiva ampla dos fatos. Foi um recurso muito inteligente e atraente criado por Moyes. O ritmo é intenso e percebi, apesar dos capítulos serem relativamente curtos, são bem mais descritivos que nas obras anteriores.

As personagens são o ponto alto da história. Todos individualmente bem construídos, repletos de vícios e virtudes que abrilhantam a obra. Até mesmo os personagens que está em segundo plano são importantes para o desenrolar da narrativa. Cativantes, tenho certeza que ficarão em minha memória por um bom tempo.

A ambientação é perfeita. A baía realmente é um lugar vivo e somos automaticamente transportados para lá assim que começamos a leitura. Posso garantir que vocês sentirão que a baía é um a espécie de personagem também. Próxima viagem: Silver Bay

O clímax me deixou tão emocionada, feliz, encantada, não sei nem ao certo o que dizer. Apenas preciso falar que quem já está familiarizado com o jeito Jojo Moyes de fazer histórias incríveis entenderá.

Se você curte romances maduros, mas sensíveis e emocionante, com certeza essa obra de Jojo Moyes é uma excelente opção. Se você ainda não leu nada da autora, mas não se sente preparado para chorar litros com Como eu era antes de você. sugiro que comece com essa história inesquecível.

Baía da Esperança é uma leitura mais do que recomendada! 

Gostaram do livro?
Ficaram curiosos para saber o fim dessa história?
Gostam da Jojo Moyes?
Comentem!

Abraços e até mais.

22 comentários

  1. Oi Rízia, eu já li esse livro e só posso afirmar que a autora surpreende mais uma vez em uma história ótima. Adorei seus comentários a respeito da trama e concordo que as personagens são mesmo o ponto alto e que a ambientação é perfeita.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. Ai, Rízia, não estou podendo com livros assim. Acabei de ler um que me deixou destruída e esse parece ser algo tão bonito, mas não estou preparada para ele, ainda. Claro que quero muito ler, mas não por agora. Eu gostei muito da sua resenha e de saber que o livro lhe proporcionou todas essas sensações. Tenho certeza de que quando eu ler, vou gostar muito.

    ResponderExcluir
  3. Este livro foi um dos meus presentes de aniversário e já está na lista de próximas leituras. A sua resenha foi a primeira que li e já me deixou bem empolgada. Os elogios que você teceu para com a escrita da Moyes, é basicamente tudo o que penso dela, então, acho que vou curtir a leitura.
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Rizia lindona essa capa é muito linda e delicada, gostei muito da premissa do livro, acredita que ainda não li nada da Jojo, preciso ler urgente e me encantar com sua escrita. Imagino como esse lugar vai mudar a vida de nosso protagonista, amei o cenário do livro. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  5. Olá Rízia,
    Essa autora tem o dom de mexer com nossos sentimentos e mente, não é?
    Confesso que estou bem curiosa com esse livro há um bom tempo. Achei legal a narrativa ser feita através do ponto de vista de vários personagens, acho que me encantaria com eles! Outro ponto legal é o fato de os personagens serem o ponto alto da história.
    Preciso desse livro para ontem, aliás, preciso de quase todos os outros livros dela rs.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Confesso que nunca li nada da autora, já comecei um livro uma vez mas acabei desanimando porque a história não ia pra frente nunca, e assim desisti da autora (e não quero chorar litros em como eu era antes de você).
    Gostei da sua resenha, deu pra perceber que é uma história sensível e ao mesmo tempo emocionante, e com certeza é algo que eu gostaria, principalmente pelo romance ser mais maduro.
    A dica está anotada, espero ler ele para conhecer melhor a escrita da Jojo

    ResponderExcluir
  7. Eu adoro esse padrão nas capas dos livros da Jojo. Eu admiro muito o trabalho da autora, mas li apenas dois livros dela, CEEADV e A Garota Que Você Deixou Para Trás.
    Confesso que a sinopse e a proposta da história não chamaram minha atenção, mas tratando-se da Jojo, nada é o que parece ser.
    Esse recurso de colocar diferentes pontos de vista ela utiliza com frequência, e ela sabe fazer isso muito bem.
    Tenho que ler mais obras dela!

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Eu adoro estas histórias assim, são uma delícia de ler! Nunca li nada da Jojo Moyes e realmente, no momento, não quero chorar litros com Como Eu Era Antes de Você hahaha então vou seguir sua dica e começar com esse livro que parece ser muito amorzinho! E deve dar vontade de ir conhecer a Austrália, não dá não?
    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Olá!

    Eu amo o padrão das capas da autora! Sempre uma mais linda que a outra!
    Eu tentei ler o Como Eu Era... mas não consegui acabar! Mesmo sendo tão sensível e dramático, como gosto, não sei, não me prendeu! Desde então tinha um receio em ler a autora!
    Vi que gostou muito desse (eu apaixonei na capa!), mas a ambientação (praia/mar) não me atrai muito! Acho que ainda não é esse q vai me conquistar!

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    ResponderExcluir
  10. Ai droga, já quero. Adoro este tipo de livros com histórias de pousadas e personagens. Não imaginava de forma alguma que fosse na Austrália porque geralmente tem aquelas cidadezinhas nos Eua ou na Inglaterra né, mas já quero e amo isso tudo. Tinha um livro A Pousada Rose Harbor da Debbie Macomber que li e amei neste estilo. Adorei sua resenha.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.blogandolivros.com

    ResponderExcluir
  11. Olá

    Depois que li o livro Como eu era antes de você, fiquei os dois pés atrás com a autora. Não li mais nada é sempre vejo elogios mas prefiro não me arriscar. Acho legal quando os autores trabalham mais os personagens fica muito mais rico e gostoso de ser lido. Adorei suas impressões e dá pra sentir exatamente tudo que você gostou na estória.
    Quem sabe um dia eu resolvi ler pois essa estória parece ser encantadora.

    Everton equipe Rillismo

    ResponderExcluir
  12. Oiee ^^
    Acho que a Jojo está sempre surpreendendo, né? Eu já tinha visto esse livro antes, mas não sabia do que se tratava. Sabia que era da Moyes, então já o queria...haha'
    A sua resenha me deixou ainda mais curiosa agora, saber que você gostou e que a autora conseguiu criar mais uma história romântica e emocionante me animou. Acho que vou adorar ainda mais a Austrália quando ler este livro...haha'
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bem?
    Gosto muito quando livros nos contam as histórias de vários personagens e as relacionam. No entanto,não estou no modo para ler esse tipo de livro, além de que não tenho muita paciência para a escrita da Jojo Moyes :/
    Beijinhos
    Fofocas Literárias

    ResponderExcluir
  14. Oi!
    Eu estou lendo A última carta de amor, da mesma autora, mas faz dias que estou enrolando, é como se a história não tivesse me prendido completamente... Mesmo assim, sua resenha me deixou curiosa sobre Baía da esperança, que parece ser uma história bonita e não só pelo romance, mas pelo amor da família e pelo lugar :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Só li um livro da autora até hoje, e embora seja o primeiro que a Jojo escreveu e, por isso, as pessoas digam que não chega perto dos outros, gostei bastante e tenho vontade de ler muito mais obras dela! Então esse livro já estava na minha listinha antes de ler sua resenha... rs... Adoro personagens que são bem construídos, que possuem vícios e virtudes, e amo quando personagens secundários se tornam importantes para o enredo também. É bom saber que você recomenda porque realmente vou querer conhecer a história!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  16. Oiii...
    Já vi algumas resenhas desse livro, a capa é muito fofa, e eu já li outros livros da autora, confesso que não estou pronta ainda para ler outro livro da autora, ela é boa porem é sempre uma avalanche de sentimentos, sua resenha esta ótima e mostra o quanto o livro lhe transporta para a estoria em si e eu gosto disso... obrigado pela dica que guardarei com carinho...
    Beijoca...
    https://westfalllivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Oi Rizia, tudo bem??

    Nossa, fiquei encantada com a sua resenha. Cheia de emoção e sentimentos.
    Eu também sempre tenho a certeza de que quando pego algo da Jojo pra ler já sei que a emoção estará no ar.

    Esse livro eu ainda não tive a oportunidade de ler, mas pretendo fazer isso em breve, pois essa trama é muito envolvente só de ler essa resenha. Estou louca para descobrir o desfecho que Jojo criou para esses personagens que tenho certeza que são incríveis.

    Obrigada pela dica e parabéns pelo trabalho.
    Ingrid Cristina
    Plataforma 9¾

    ResponderExcluir
  18. Olá!

    Ainda não li nada da Jojo mas pretendo ler Como eu era antes de você assim que puder.
    Este novo livro que você nos apresentou parece ser bem interessante e fiquei bastante curiosa para saber o porquê de proibirem Hannah de ter contato com o mar, provavelmente temos algum segredo escondido aí, não é mesmo? Fiquei curiosa para saber como todos os acontecimentos vão afetar nossos personagens principais e como eles irão reagir.
    Adorei a dica !

    Beijinhos!
    Cantinho Cult

    ResponderExcluir
  19. A Jojo esta de parabéns a cada estória que conheço dela acaba me prendendo e me encantando ao ponto de ser minha autora favorita, apesar de chorar muito com a maioria dos seus livros, esse não foi diferente é incrível como ela consegue fazer a estória se estabelecer através de vários personagens.

    ResponderExcluir
  20. Sou Jojo Lover assumida! De todos os livros lançados aqui no Brasil da autora, só me falta ler e ter na estante três livros dela, e esse é um deles. Já ouvi coisas maravilhosas sobre ele, e agora que a Intrínseca comprou os direitos a capa ficou ainda mais bonita. Estou louca para conhecer ainda mais dessa história e chorar muito, porque vindo da Jojo eu já sei que a história é emocionante.

    ResponderExcluir
  21. Estou louca nesse livro, e a sua é a primeira resenha que leio dele! Sua resenha só me confirmou que preciso mesmo dele! Me apaixonei pela escrita da Jojo, quero todos os livros dela, chorar é comigo mesmo, quanto mais drama melhor!

    ResponderExcluir
  22. Oi Rízia, eu nunca li nada da autora e por isso antes de eu ler Como eu era antes de você e morrer de chorar, irei dar uma chance para esse antes e pegar mais leve com um romance cativante, adorei a dica! Fiquei bem curiosa com a obra e pretendo ler em breve.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/?m=1

    ResponderExcluir