Simon, Blue e seus diálogos perfeitos.


Olá Leitores!
Essa semana a Editora Intrínseca e seus parceiros estarão apresentando com mais detalhes o livro Simon vs. a agenda Homo Sapiens, que conta a história de Simon, um garoto de 16 anos, gay, mas que ainda não contou para ninguém. Mas seu "segredo" é ameaçado quando Martin, um garoto da escola descobre uma troca de e-mails entre Simon e um garoto chamado Blue e decide que irá contar a todos, caso Simon não o ajude a conquistar uma garota. Agora, Simon precisará desafiar-se  para manter o que existe entre ele e Blue em segurança.
Dá para sentir que o livro promete né?

Hoje quero compartilhar com vocês minhas impressões sobre as várias trocas de e-mails que encontramos no livro.
Tenho certeza de que vocês irão se encantar <3
Atire a primeira pedra quem nunca se correspondeu (ou teve muita vontade) por e-mails com alguém!
Sinceramente adoro livros que trazem esse tipo de diálogo.
Em Simon vs. a agenda Homo Sapiens eles são a base do relacionamento entre Simon e Blue.

Simon adotou o codinome Jacques para trocar e-mails com um garoto de identidade desconhecida que atende por Blue. Eles falam sobre tudo: Como descobriram que sua sexualidade, o que gostam de fazer, como foi o dia deles e vários outros assuntos, sempre com muito cuidado para não contar detalhes que possam revelar sua verdadeira identidade.
PARA: bluegreen181@gmail.com
DE: hourtohour.notetonote@gmail.com
ASSUNTO: Re: Reese’s é melhor que sexo.
Blue,
Acho que deixei você constrangido, mil desculpas. Sou uma pessoa muito
curiosa. Sempre foi um problema. Desculpa mesmo. Sei que pareço um disco
arranhado. Não sei se mencionei com todas as letras, mas nossos e-mails são
muito importantes para mim. Eu jamais me perdoaria se cagasse tudo.
Se
ferrasse tudo. Me desculpa, nem sei se você se incomoda com gírias etc.
Mas o que há de tão especial em simples trocas de mensagens?
A resposta é bastante simples: A possibilidade de ser exatamente quem somos.

O que se vê nas diversas frases trocadas entre Simon e Blue é a essência de cada alma. Dois garotos com medos, limitações, experiências, vontades, sonho e sem pudores que se revelam através daquele meio tentando se mostrar por inteiro. Com  certeza é uma experiência profunda e não é a toa que Simon queria preservar isso a todo custo.

PARA: bluegreen181@gmail.com
DE: hourtohour.notetonote@gmail.com
ASSUNTO: Por quê? Por quê? Por quê?
Não tinha um reality show em que as pessoas tinham encontros no escuro? A
gente devia fazer isso. A gente devia encontrar um lugar totalmente escuro para
se encontrar, e aí seria totalmente anônimo. Assim a gente não estragaria nada.
O que você acha?

Jacques
Muitas vezes acabamos nos reprimindo. Dependendo do lugar e da ocasião, nos limitamos. Às vezes por medo, às vezes por adequação. Simon é um bom exemplo disso, pois nunca se sentiu a vontade para revelar que é gay - não por vergonha e sim por não sentir necessidade disto.
PARA: hourtohour.notetonote@gmail.com
DE: bluegreen181@gmail.com
ASSUNTO: COCÔ
É mesmo muito irritante que hétero (e branco, diga-se de passagem) seja o
normal e que as pessoas que precisam pensar sobre sua identidade sejam só
aquelas que não se encaixam nesse molde.
Os héteros deviam mesmo ter que
sair do armário, e quanto mais constrangedor fosse, melhor. O constrangimento
devia ser obrigatório. Seria essa a nossa versão da Agenda Homossexual?
Com amor,
Blue

Claro que existe muito romance em tudo isso. Não do tipo "açucarado", mas forte, real, amigo e também levemente picante. É poder sempre contar com o outro, mesmo estando do outro lado da tela.
PARA: hourtohour.notetonote@gmail.com
DE: bluegreen181@gmail.com
ASSUNTO: tudo às claras
Quero agradecer a você. Não falei antes, mas preciso confessar que foi
graças a você que consegui. Eu não sabia se algum dia encontraria coragem. É
meio incrível mesmo. Sinto como se houvesse um muro desmoronando, e não sei
por quê, e nem o que vai acontecer. Só sei que você é o motivo. Obrigado por
isso.

Blue

PARA: hourtohour.notetonote@gmail.com
DE: bluegreen181@gmail.com
ASSUNTO: Re: Meio formiguinha?
Confesso que gosto de imaginar você criança fantasiando com comida
porcaria. Também gosto de imaginar você agora, fantasiando sobre sexo. Não
acredito que acabei de escrever isso
acredito que acabei de escrever isso. Não acredito que estou clicando em enviar.
Blue 

Ainda é preciso explicar porque esses diálogos são perfeitos?

Esses e-mails e muitas outras coisas são responsáveis por tornar Simon vs. a agenda Homo Sapiens um livro especial. 
Se você ainda não teve oportunidade de ler, sugiro que o faça logo, pois garanto que a leitura irá fazer você rir, se emocionar e torcer muito por Simon e Blue.

Gostaram do post?
Já tiveram a experiência de trocar e-mails com alguém?
Conhecem o livro?
Comentem!

Abraços e até mais.


21 comentários

  1. Oi Rízia, eu adoro quando os livros trazem diálogos diferenciados, como troca de emails. Eu já ouvi vários comentários positivos sobre essa obra, e acredito que deve ser muito especial. Estou ansiosa demais para conferir o desenvolvimento dessa trama.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. Oie. Tenho esse livro aqui na minha lista de futuras leituras mas confesso que mais pela propaganda que estão fazendo em torno dele do que por interesse real, mas esse seu post me despertou para o livro e me deixou com vontade real de ler. Esses e-mails são muito meigos, cheios de insegurança e aquela vontade de ser aceito, consegui em poucas linhas sentir a emoção dos personagens. Com toda certeza vai ser uma leitura que farei em breve.

    ResponderExcluir
  3. Oii Rízia, tudo bem? Esse livro está na minha lista de desejados, porém não sabia muito sobre ele além dele ser um YA super bem comentado, heheeh. ADOREI saber mais sobre ele e também sua opinião. Além de ler esses emails lindos! Parece uma leitra bem rápida e cheia de significados. Adorei.
    Beijos!
    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Ai Rizia, morri de amor com as mensagens e apesar de você alertar que o romance não é açucarado, ainda assim, eu sei que irei suspirar ao ler o livro e torcer para que tudo de certo com o Simon.
    Adorei a dica!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Ola Rizia lindona adorei essas trocas de e-mails, e imagino como nosso protagonista deve se sentir ameaçado por alguém querer expor sua intimidade. É difícil para muitos ainda em deixar de lados os preconceitos. Estou bem curiosa com esse livro e acredito que será uma ótima leitura. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Rízia,
    Hoje em dia é cada vez mais raro ouvir as pessoas falando que trocam e-mails, principalmente pela existência das mensagens instantâneas, mas a troca de e-mails confere um charme a mais, tem aquela sensação de trocar cartas e eu adoro. Ainda não li esse livro, mas ele já faz parte da minha lista de leitura.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá Rízia,
    Os diálogos são, de fato, perfeitos. Adorei cada um deles.
    Acho que a conversa entre Simon e Blue mostra que eles são verdadeiros e como é ruim viver escondendo aquilo que você é.
    O penúltimo foi o que mais me tocou, pois mostra que eles estão se ajudando, mesmo sem se conhecer.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  8. Olá!

    Eu não conheço o livro! Ele já foi publicado fisicamente?
    Gostei muito da proposta e gosto muito de romance gay. Ainda mais nessa fase da vida, onde tudo é tão intenso! Tenho grandes expectativas!
    Trocar e-mails, acho que nunca, mas sou da época do ICQ, trocava msgs com pessoas que nunca tinha visto o rosto! E até tive uma paixonite aos 12 anos kkkk

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    ResponderExcluir
  9. Oi Rízia,
    Eu comprei esse livro, porque o hype tá tão grande que eu não pude esperar. Não tive tempo de lê-lo ainda, mas confesso ter ficado bem mais ansiosa lendo o teu post. Essa troca de mensagens me passou uma coisa muito legal, me fez ver que esse livro me ensinará muitas coisas, mesmo não tendo o mesmo sentido para mim, que sou hétero, acredito que o livro nos mostre esse lance mesmo de essencia, de alma e tals. Adorei o teu post. :D

    beijo!

    ResponderExcluir
  10. Oie Rizia, lendo sua resenha eu voltei um pouco no tempo, uns dez anos atrás, no auge da minha adolescência quando eu me apaixonei por um garoto lá de Manaus...na verdade minto...era uma cidade do interior do Amazonas chamada Tefé. O conheci pelo orkut e tinhamos muito em comum. Trocávamos milhares de emails por dia. Eu dizia que quando fizesse 18 anos fugiria para lá! Relembrar isso me fez até rir agora.
    Gostei da premissa e o tema que o livro aborda e pretendo ler sim!
    bj

    ResponderExcluir
  11. Oi *--*

    Li só um livro que era composto por mensagens e emails e confesso que não curti muito não porque fiquei bem perdida na ambientação e local dos personagens. Esse no entanto achei bem diferente os emails. Vamos ver quando lançar.

    Bjos
    http://rillismo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oiii!!

    Eu não li o livro ainda, mas estou com muita vontade de ler esse livro desde que vi a equipe da Intriseca falando. O enredo parece ser ótimo e esses diálogos só deu o gostinho de quero mais hahahaha.
    Gostei muito do post e de saber que o livro mexeu tanto contigo.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  13. Oi Rízia, eu estou vendo as pessoas falarem super bem desse livro e estou bem animada com ele, e agora vendo os diálogos fiquei mais curiosa. São sim conversas lindas e sinceras, que mostra a essência de cada um e como realmente é. Gostei muito, parece um livro ótimo!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  14. Oi, Rízia! Tudo bem?
    Nossa, estou sem palavras para definir o quanto eu quero esse livro! Gosto muito de livros com personagens gays, geralmente são os poucos livros de romance que eu costumo gostar. Já tinha visto a capa do livro antes, mas ainda não conhecia nada sobre ele, por isso a sua resenha foi muito esclarecedora. Achei o relacionamento entre Simon e Blue muito fofo e espero MUITO poder ter esse livro em breve. Obrigada pela dica. Beijos! ^-^

    ResponderExcluir
  15. Oi!
    Ainda não conhecia o livro, mas seu post me deixou curiosa, ainda mais porque os livros que eu li com troca de e-mails foram muito bons! Essa história parece ser tocante e ainda assim divertida, com certeza vou querer conferir!
    Sempre tive vontade de trocar mensagens anônimas haha
    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Olá! Vi a editora divulgando o lançamento desse livro, mas a capa não chamou minha atenção, então nem me preocupei em pesquisar sobre o que se tratava. Agora fiquei até feliz por não tê-lo feito, pois não curto livros que se baseiam em e-mails. Em uma hora ou outra, sempre acabo cansando e a leitura fica arrastada. E por isso não vi nada demais nos e-mails trocados por eles. No entanto, para quem curte narrativas assim parece ser uma boa experiência.

    Beijos,
    Fernanda Goulart.

    ResponderExcluir
  17. Entrei em contato com esse livro na Turnê Intrínseca e achei fantástico. A obra, até então, não tinha me despertado interesse, mas quando conheci um pouco mais sobre sua proposta, fiquei encantada. É uma belíssima premissa. Esse é um dos que pretendo ler muito em breve. Tenho grandes expectativas em relação a essa leitura.

    Tatiana

    ResponderExcluir
  18. Gosto muito de livros que tem como recurso durante a narrativa de mensagens e ou e-mails, pois traz o personagem para um lado mais íntimo e real, pois nessas conversas você se abre melhor, manda palavra encurtada, conselhos mais sinceros e por aí vai.
    Já estava curiosa com esse livro e me encantei com o conteúdo dos e-mails, esse livro deve ter um clima bem legal!

    http://deiumjeito.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi Rízia!
    Eu estou louca por esse livro, adoro livros com esses assuntos, me faz respeitar ainda mais os homossexuais, os diálogos desses livros são maravilhosos, sempre divertidos e sinceros.. verdade que na troca de e-mail ou mensagens nós nos abrimos mais e falamos abertamente. Preciso desse livro logo!

    Beijos!
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
  20. Olá!

    Não conhecia este livro antes, mas adorei o fato de ter a conversa contada por e-mail. Acho bem legal livros assim, e super diferente. Imagino que a leitura deve ser muito boa, leve e gostosa, porque todos os livros que já li que eram assim, foram. Espero poder ler este livro um dia.


    Beijinhos!
    Cantinho Cult

    ResponderExcluir
  21. Ooi
    Esse foi o último livro que li. Ameeeeei! É Tão lindo.
    Nunca tinha lido nada do tipo, valeu super a pena.❤❤
    Beijoos!
    www.estantemineira.blogspot.com

    ResponderExcluir