• Home
  • Dicaterapia
  • Parceiros
  • Resenhas
  • Políticas
  • Contato
  • O Regresso: Muito além de uma simples vingança - #SemanaEspecialORegresso



    Olá Leitores
    Durante essa semana, vários blogueiros estão em uma ação especial com a Editora Intrínseca: Trata-se da #SemanaEspecialORegresso, onde vamos divulgar mais detalhes desse livro que inspirou o filme que rendeu a Leonardo Di Caprio o Oscar de melhor ator.
    Mas O Regresso, que narra a saga de Hugh Glass e a busca pela vingança vai muito além desse fato.
    Vamos entender porque?

    O Regresso, de Michael Punke, nos conta a história vivida por Hugh Glass que em 1823, junto com os caçadores da Companhia de Peles Montanhas Rochosas desbravavam as terras inexploradas dos Estados Unidos, enfrentando diariamente o clima implacável, as feras selvagens e a ameaça constante de confronto com os índios, que defendiam suas terras da invasão dos homens brancos.
    Em uma das missões da companhia, Hugh Glass, um dos melhores e mais experientes caçadores do grupo, fica frente a frente com um urso-cinzento, é atacado e termina gravemente ferido, claramente sem chances de sobreviver. Os homens que deveriam esperar sua morte e lhe oferecer um funeral apropriado o abandonam, levando consigo as armas e os suprimentos. Entre delírios, Glass os observa fugindo e é tomado por um único desejo: vingança. Uma determinação cega que o torna capaz de atravessar quase cinco mil quilômetros de terras intocadas e selvagens, fugindo de predadores, sobrevivendo à fome e à agonia dos ferimentos mais terríveis, a fim de concluir seu objetivo. 
    Inspirado em fatos reais e escrito em uma prosa arrebatadora, O Regresso é uma notável história de obsessão, um romance sobre um homem cuja vida foi ao mesmo tempo salva e condenada pela sede de vingança.

    Acontece que, apesar de uma das temáticas mais fortes presentes na obra ser a busca pela vingança - que motiva Glass a sobreviver a cada dia - encontramos vários outros temas. Vejamos:

    Sobrevivência: Após ter sofrido um violento ataque de urso, Hugh Glass luta para sobreviver. Dor, sofrimento, medo foram sensações sentidas a todo momento pelo caçador.

    Abandono: Aliado ao precário estado físico que se encontrava, Hugh Glass teve que lidar com o abandono dos seus companheiros de expedição. Foi deixado para trás para morrer sozinho, afinal, no estado em que se encontrava, ninguém poderia imaginar que ele conseguiria escapar da morte.

    Amizade: A amizade nesse livro se mostra sob duas facetas: No primeiro momento podemos questionar quem são os verdadeiros amigos e em que ocasiões podemos contar com ele. Já num segundo instante percebemos que, às vezes, pessoas desconhecidas podem te ajudar em um momento de adversidade. Quem é realmente uma pessoa amiga?

    Persistência: Hugh Glass não desistiu. Apesar dos obstáculos, mesmo com sua condição física comprometida,  num deserto de gelo e sem perspectiva o caçador não deixou de lado seu objetivo. E toda essa determinação o ajudou.

    Superação: Impossível não associar esse livro a palavra superação. Glass venceu o mau tempo, conseguiu fazer seu corpo reagir, percorreu milhares de quilômetros e superou a si mesmo quanto assumiu uma escolha diferente da inicialmente planejada.

    Perdão: É preciso perdoar. Isso faz parte do processo de cura. Hugh Glass entendeu isso e mostrou um homem forte por dentro e por fora. 

    O Regresso vai muito além de um uma simples vingança. É um livro que transmite valores e narra a história de uma lenda americana que está eternizada na mente de milhões de pessoas.

    Se você ainda não leu, aconselho que o faça, garanto que não irá se arrepender ;)

    Quais outros aspectos vocês enxergaram no livro ou filme?
    Gostam de histórias fortes como a de Hugh Glass?
    Comentem!

    Abraços e até mais.

    18 comentários :

    1. Oi Rizia, eu quero muito assistir ao filme, mas não estou com muitas expectativas. Quanto ao livro, não sei se leria por agora. Legal que a história transmite questões sobre valores, já que vai além do que o enredo propões. Pelo visto, Hugh Glass é mesmo um sobrevivente! Beijos, Fê

      ResponderExcluir
    2. Oi, Rizia.
      Que iniciativa incrível da intrínseca com os blogs parceiros. Eu ainda não vi o filme, mas estou com ótimas expectativas, visto que minha irmã viu e gostou bastante. Contraponto, não sei se leria esse livro agora. Quem sabe mais pra frente?
      Gostei do post!
      Beijos.
      www.anebee.com.br

      ResponderExcluir
    3. Olá
      Todo mundo tem falado bem do livro, do filme e da atuação de Di Caprio. E pela sua resenha, são bons mesmo. Percebe-se que a história é cheia de atributos que a fazem única, quero muito ler o livro e ver o filme, mas acho que no momento só vou tentar assistir o filme, tá difícil de arrumar tempo para ler o livro (só o tempo que fico nas filas do banco).
      Amei o post, eu não conhecia mt da história, iria assistir apenas por assistir mesmo.
      Beijos!

      ResponderExcluir
    4. Ainda não li o livro e nem vi o filme, mas a cada dia a curiosidade só aumenta. De todos os temas abordados na narrativa, acho que o que mais irá me impressionar é o perdão, porque em função do que o protagonista terá que passar, talvez isso seja o mais difícil a fazer. Adorei o post e minha expectativa só aumentou.
      Meu Amor Pelos Livros
      Beijos

      ResponderExcluir
    5. Oi Rizia, tudo bem?
      Quero muito ver o filme que parece ser maravilhosos e também ler o livro que deu origem a ele!
      Achei essa capa maravilhosa! Parabéns a intrínseca!
      Acho a história do personagem muito interessante e envolve tantas coisas, superação, vingança, perdão...
      Estou louca para poder ler e assistir O Regresso!


      Beijos :*
      http://www.livrosesonhos.com/

      ResponderExcluir
    6. Oii!
      Respondendo a pergunta rs não gosto muito de histórias fortes por isso não sei se leria o livro, pelo menos no momento. Mas quero muito assistir o filme *-* O enredo me deixou mega curiosa e os pontos que você citou só aguçaram minha curiosidade! Quero assistir logo.

      Beijão!
      http://loucaspaginasblog.blogspot.com/

      ResponderExcluir
    7. Eu gosto de histórias fores e estou louca para ler esse livro e depois assistir ao filme. Achei legal a editora Intrínseca realizar essa ação de divulgação porque me mostrou novos pontos da histórias, essas características me deixaram ainda mais curiosa. Amei o post

      ResponderExcluir
    8. Olá,
      Ainda não li o livro e nem assisti ao filme, no momento não sei se assistiria ao filme, mas ler o livro com toda certeza eu leria assim que tivesse a oportunidade, ele aborda diversos assuntos que eu prezo e acho que seria uma boa eu ler ele.


      Frases, Trechos e Pensamentos

      ResponderExcluir
    9. Oiii
      To doida pra assistir o filme desde o lançamento. Parece ser uma aventura incrível!
      Não sabia que tinha livro, acredita?? mas agora quero ler antes do ver o filme. Eu gosto muito de histórias fortes, mas depende doa dia eu não assisto, não hahaha tenho que estar bem "em paz" para ler esse tipo de coisa, pq senão fico muito perturbada hhihihi
      beijos

      ResponderExcluir
    10. Olá Rizia,
      Infelizmente, ainda não tive a oportunidade nem de ler nem de assistir o filme, mas tenho muita vontade (claro que quero ler primeiro).
      Adorei a postagem e confesso que ela aumentou, ainda mais, minha curiosidade.
      Preciso adquirir o livro :o
      Beijos,
      http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    11. Oi *--*

      Adorei a inciativa da editora, é uma ótima interação com os parceiros. Não li ainda o livro e nem vi o filme, apesar de ter torcido de mais pro Leo hahahaha
      Adorei seu post, só aumento ainda mais minha vontade de ler e ver hahah

      Bjos

      rillismo.blogspot.com

      ResponderExcluir
    12. Oi oi Rízia,

      eu até queria ler o livro, mas depois de ter visto e odiado o filme, perdi a vontade... Mas que legal que você gostou do livro.

      Beijos!
      Participe do Sorteio Mês das Mulheres, são 10 livros e muitos marcadores
      http://www.mademoisellelovesbooks.com/

      ResponderExcluir
    13. Quero muito ver o filme pra poder ver a atuação do Leonardo, acho a história de Hugh incrível, essa luta dele pela sobrevivência, a sua determinação é algo impressionante depois de tudo o que ele passou. O livro realmente deve ser incrível e eu já não sei se leio ou se vejo só o filme rsrs. Seu post me deixou com vontade de ler, vamos ver rs.
      Bjo
      www.viciadosemleitura.blog.br

      ResponderExcluir
    14. Olá, já conheço o livro, quem não conhece, né? Mas não me interesso muito por ele, contudo, o filme me chama bastante a atenção e quero muito assisti-lo, já que ele rendeu o primeiro Oscar do Leo (graças à Deus)! Gostei muito de você ter citado alguns do temas do livro, mostra que a história vai muito mais além e é mais profunda do que parece!
      Beijos!

      ResponderExcluir
    15. Tenho grande curiosidade em relação ao livro, devido a esses temas retratados na obra e na jornada da Hugh Glass e também em relação ao filme, que mesmo tendo um pessoal dizendo que é impossível ter paciência para revê-lo, é de um trabalho excepcional da direção e do lado visual da trama, sem contar que rolou um Oscar para o DiCaprio né 'non'?

      http://deiumjeito.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    16. Oii
      Tenho muita vontade de ver esse filme pois fiquei muito curiosa sobreve a atuação do DiCaprio que o rendeu O Oscar,já o livro não me bateu o interesse pra ler no momento.. quem sabe mais pra frente eu o inclua na minha lista!! :)

      www.livroaoavesso.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    17. Oi! Tudo bem?!

      Eu ando muito pensativa sobre esse livro... Achei a premissa incrível! Mas não sei se é algo que eu leria... Geralmente livros assim são muito detalhados, carecem de ação, etc. Em contrapartida, achei o filme ótimoooo! E dá aquela vontade de saber como a história é narrada. Concordo com você, pelo que assisti, a história vai muito além daquilo que o senso comum vê. Eu, por exemplo, vi muito o aspecto da sobrevivência.
      Beijos,

      Juliana Garcez | Livros e Flores

      ResponderExcluir
    18. Olá! :)

      Nunca li o livro nem cheguei a ver o filme, portanto espero lê-lo em breve!! :) Bem, eu gostei da apresentação, com vários temas, dividindo assim a ação e os sentimentos vividos...

      Espero que o perdão prevaleça no meio dessa vingança toda que o incentiva a sobreviver!! :)

      Boas leituras!! ;)
      no-conforto-dos-livros.webnode.com

      ResponderExcluir