• Home
  • Dicaterapia
  • Parceiros
  • Resenhas
  • Políticas
  • Contato
  • Resenha: Cure meu coração

    Cortesia da Editora

    Cure meu coração

    Autora: Melissa Walker
    Editora: Farol Literário
    Páginas: 272

    Sinopse: A expectativa de Clem para as férias que passaria velejando em alto-mar com os pais e a irmã caçula era de um verão no exílio. Em crise consigo mesma, ela embarca no veleiro Tudo é possível sem saber, que na verdade, o que a espera é uma viagem de descobertas sobre a amizade, o amor e o perdão. Seja bem-vindo a bordo!
    Cure meu coração é um dos lançamentos da Farol Literário e foi o meu primeiro pedido pela parceria da Editora com o Livroterapias. E não poderia começar com o pé direito.

    Quero começar essa resenha agradecendo ao destino/cosmos/céus/deuses, porque na minha adolescência eu não me apaixonei pelo namoradinho da minha melhor amiga da época. Sério, agradeço muito por não ter passado isso e nem quero passar. Ao contrário de Clementina, que aos poucos tem uma apaixonite pelo Ethan, namorado de sua melhor amiga Amanda.

    Cure meu coração se inicia com Clem, uma adolescente de 16 anos sem melhor amiga, triste e se sentindo a pior pessoa do mundo por ter se apaixonado por Ethan. Ela parte para o alto-mar com sua família, uma viagem dessa durante o verão todo seria algo ótimo... Se ela não estivesse tão na bad. 

    "- Estou feliz que você tenha parado de chorar.
    Sorrio sem graça.
    - Eu também. - Mas não digo que as lágrimas terem secado significa que eu esteja melhor."


    Com a narrativa em primeira pessoa entre o presente e as lembranças de Clem sobre sua melhor amiga e de como chegou ao ápice da tristeza, acompanhamos aos poucos Clementina, que antes era uma garota sorridente e que considerava Amanda mais do que sua melhor amiga, uma irmã. Mas tudo vai se quebrando aos poucos quando Ethan aparece dando o entender que é interessado por Clem também. E no fim dá tudo errado porque Amanda não fala mais com ela e Clem fica com a fama de "a traidora" da história.

    Sua família tenta ao máximo fazer com que Clem se sinta bem de novo, principalmente sua irmã Olive de 10 anos. E meu deuso, que irmã mais sensacional ft. fofa é essa Olive <3
    A garota é uma menininha super madura e nenhum um pouco covarde de dizer o que pensa, amei porque ela faz o papel de irmã maravilhosamente bem para Clem, ela tentava ao máximo fazer com que irmã mais velha ficasse bem e não sofresse por coisa "boba". Tudo bem que Clem as vezes era um pouco grossa e rabugenta (não só com a sua irmã mas com seus pais também) mas era momentâneo, ela estava perdida e se autoflagelando pelo "erro" que ela cometeu com a Amanda.

    E em alto-mar Clem conhece o Ruivo, ou melhor James, que também está velejando com o seu pai na mesma rota que a família de Clem. Além do casal de idosos, Ruth e George que são uns amores.
    James é outro amore (aliás só tem personagem amore nesse livro, tirando o merdinha do Ethan), ele desenha cartoon e adora velejar com o pai e só é um pouquinho mais velho que Clem, 17 anos. Então eles dois começam ter uma amizade que caminha para namoradinhos. Eu adorei muito o James porque ele é todo sorridente e mesmo assim ele tem um problema em família, ele é aquele personagem que é difícil de demonstrar tristeza, mas não significa que ele não sente. Indiretamente ele ajuda Clem e superar a "merda" que ela e Ethan fizeram com Amanda.

    "- Parece que você está certa. Ele está assoviando.
    - Ele pode te fazer feliz - ela diz.
    - O quê? Do que você está falando?
    - Eu só quero dizer que você está triste e ele não, e quando ele está por perto, mesmo através de binóculos, você sorri mais."



    Cure meu coração foi uma leitura extremamente fofa e que me tirou altos risinhos mas também tive meus momentos de raiva, principalmente quando Clem narrava suas lembranças sobre Ethan. Ela e Ethan começam uma relação de amizade, sabem? Nada demais, Ethan é super gente boa com ela e tudo mais até que ela sente algo por ele mas ela faz ao máximo pra não continuar apaixonada pelo namorado da melhor amiga. Clem até dá um chega pra lá nele mas ele consegue persuadi-la para continuarem como estão. Ele faz algumas mancadas com Clem que dá o entender de "gostaria de ficar com você" e só estraga mais. Ele foi o grande bosta do enredo. Falando português claro. A Amanda também não é lá aquela coisa de melhor amiga porque colocou a culpa toda em Clem e a ignorou, mas com certeza Ethan deve ter feito um discurso mentiroso sobre a Clem (sério, queria ter esganado esse Ethan, ARGH!).

    "Fecho o diário com força e deito na cama., chateada, encarando o teto. Não é culpa minha, ao menos não completamente. Será que isso não faz diferença para Amanda? Será que ela sequer se importa com o papel de Ethan nisso tudo?"



    Cure meu coração é aquele livro típico de verão. Li em um dia e me joguei no cenário de alto-mar, fiquei lendo na minha cama e imaginando "nossa, tô lendo na praia", é bom se iludir um pouco. Pra quem gosta de um enredo mamão com açúcar mas com boas lições de se perdoar e ser perdoado, tá dada a minha dica.

    9 comentários :

    1. Oi Nathália!
      Adorei a resenha, e gostei muito da premissa da história, pois se tem um assunto que muitas vezes gera polemica é o famoso "pegar o namorado da melhor amiga", haha!
      Essa capa também é muita linda viu? Começou a parceria com um baita livro.

      Beijos
      http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/2015/04/tbr-maratona-literaria-24-horas-x2.html

      ResponderExcluir
    2. Dica anotada, adorei a resenha me conquistou, gosto muito de livros que lemos em um dia, acho bem válido

      ⋙ ♥ Blog Livros com café
      Instagram - @bloglivroscomcafe

      ResponderExcluir
    3. Oiee ^^
      Se iludir é uma delícia...haha' Quem nunca?!
      A primeira coisa que me chamou a atenção nesse livro foi a capa linda dele, e acho que o leria só por causa dela, mas saber que é uma história fofa com momentos de raiva me deixou mais curiosa ainda.
      MilkMilks
      http://shakedepalavras.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    4. Oi, Nathália!
      Vi esse livro por aí, mas imaginava ele com uma trama mais jovem adulto e não para um lado mais adolescente. Fiquei com vontade de conhecer o James, é ótimo quando as histórias tem esse clima mais verão e descontraído a leitura fica mais gostosa! Adorei a resenha e a capa do livro é linda! :)

      Beijos,

      Rafa [ blog - Fascinada por Histórias]

      ResponderExcluir
    5. Olá!

      Adorei esse livro! Não o conhecia, mas sua resenha, super bem escrita, chamou minha atenção para essa história que tem tudo para ser linda e maravilhosa!

      resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

      ResponderExcluir
    6. Ei, Nathália!
      Amei a sua resenha! Pelo que você falou, o livro parece ser ótimo e é o estilo de leitura que eu gosto. Acho essa capa tão fofa <33

      Beijos!

      Minha Secreta Poesia

      ResponderExcluir
    7. Olá!!
      Ahhh já quero!!!
      Primeiro, a capa é um amor totalmente lidinha ♥
      Segundo, porque adoro esses romances lidinhos que nos faz suspirar!!!
      Amei a resenha!!!

      Beeeeeeijos!
      http://cupcakedeletras.blogspot.com/

      ResponderExcluir
    8. Olá!

      O livro tem cara de ser bem fofo e eu também nunca quis o namorado/paquera da minha amiga quando eu tinha 16 anos e até hoje eu nunca tive hahaha. Sua resenha foi muito bem escrita e vou anotar o nome do livro, mas não lerei no momento.

      http://loucurasaovento.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    9. Ola Nat a capa desse livro está linda , lendo sua resenhas acho que a autora potencializou problemas que nada verdade nem existiam o amor dos adolescentes , o que me chamou atenção foi a irmã fofa. Quem sabe eu não leia por conta dela. beijos

      Joyce
      www.livrosencantos.com.br

      ResponderExcluir