Resenha: Dark House

Cortesia da Editora Única 
Experimente o Terror - Vl. 1

Autora: Karina Halle
Editora: Única
Páginas: 352
Sinopse: Há sempre algo fora do normal em Perry Palomina. Embora ela esteja vivendo uma crise ao passar pela síndrome pós-faculdade, assim como qualquer garota de vinte e poucos anos, ela não é o que chamaríamos de comum. Perry possui um passado que prefere ignorar, e há também o fato de que ela consegue ver fantasmas. Tudo isso vem a calhar quando se depara com Dex Foray, um excêntrico produtor que está trabalhando em um webcast sobre caçadores de fantasmas. Dex, que se revela um enigma enlouquecedor, arrasta Perry para um mundo que a seduz e ameaça sua vida. O farol de seu tio é pano de fundo de um mistério terrível, que ameaça a sanidade da moça e faz com que ela se apaixone por um homem que, como o mais perigoso dos fantasmas, pode não ser o que parece.
Dark House no Orelha de Livro & Skoob

Única Editora no Facebook
Que decepção foi Dark House. Desde a personagem Perry até o enredo. Eu juro que estava esperando um livro que me desse um medo dazora... mas não.

Perry... Ai ai Perry o que falar de você queridinha? Que raiva da narrativa em primeira pessoa, que raiva dessa personagem mais sem sal. Ela é uma personagem que parecia ser interessante, tanto fisicamente (por ter problemas com auto estima) quanto psicologicamente (por ver fantasmas e ter tido problemas com drogas na adolescência), mas no fim ficou como uma personagem muito intragável. Mas algo que não posso negar é a sua base familiar horrível, uma mãe bem megera e um pai desligado, mas sua relação com a irmã, Ada, é que salva um pouco essa "família" problemática.

A vida da nossa narradora é bem parada, sua vida amorosa não existe e sua vida profissional é um fracasso. Mas tudo muda graças ao Farol assombrado do terreno do seu tio Al. O Farol chama atenção da galera que faz pesquisa/vídeos caseiros (e até mesmo profissionais) sobre o fantasma que assombra o farol, e um desses "pesquisadores" é o Dex, um produtor que realiza webcast sobre vinhos na internet e encontra o Farol como algo a mais na sua carreira. E nisso ele pede ajuda de Perry para gravar esse webcast.

"(...) eu nunca tinha visto aqueles programas de caça fantasmas na TV. Ironicamente, sou medrosa demais e minhas imaginação é muito fértil. Um programa, e eu estaria convencida de que tinha um fantasma na minha casa."

Dex de início eu achava interessante, porque a Perry o idealizava como o cara perfeito e ele sempre foi um pouco curto e direto com ela. Mas depois ele amolece e eu não entendo mais suas atitudes com a Perry.

"Eu não escutava meu pai, mas escutava Dex. De certa forma ele era mais intimidante."

O livro inteiro é misterioso, não me deu resposta alguma sobre qualquer coisa, ou melhor, até dava respostas, mas todas que eu não tinha me interessado em saber! E isso me tira do sério, eu quero respostas e não só pontos de interrogação! x-x

E os fantasmas? Sim e os fantasmas... Sem graça. Aquele receio de dormir com a luz apagada depois de terminar de ler, cadê? Mesmo que não tenha me dado um medinho, as cenas com os fantasmas eram as mais bizarrinhas (tudo no diminutivo porque o negócio não é TÃO assombroso assim).

Dark House é o primeiro volume da série, Experimente o Terror. Confesso que esse primeiro livro não me deu a MINÍMA vontade de prosseguir a série, mas com uma pesquisada nos outros títulos... Eles me pareceram legais, apenas, mas nada que eu vá me empolgar pra lê-los.

Aqui está a lista dos outros livros da série:


"(...) Como você não está com medo?
- Porque acho a vida mais assustadora do que a morte."

Postagem válida para o Top Comentarista  


17 comentários

  1. LORDE ATACA NOVAMENTE!
    Pela sinopse achei WOW, deve ser tri!
    Dai tu me joga um balde d'agua fria ): HAHAHA

    http://www.livrologias.com/

    ResponderExcluir
  2. Que pena que você não gostou...

    a capa e a sinopse chama atenção, mas eu geralmente não leio terror.. huhuhuhu

    ResponderExcluir
  3. Nossa eu já não curto muito história de terror e depois de ler essa resenha então, agora mesmo é que fiquei totalmente desinteressada por esse livro.

    ResponderExcluir
  4. Adorei o livro, confesso que não gosto de histórias de terror, mais aprecio um bom mistério. Adorei a capa, a sinopse e a resenha. Abraços.

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Gente, eu esta louca pra ler esse livro, tinha lido algumas resenhas quee falaram maravilhas.
    Agora vendo uma outra opinião oposta diminui as expectativas.
    Foi boa ler uma resenha assim, evita que me decepcione com a leitura.
    Beijos
    Construindo Estante || Facebook

    ResponderExcluir
  6. Oi Nathália tudo bem?

    Eu me lembro de você comentando no facebook que o livro estava chato e tudo hahaha
    Já tinha lido uma resenha não muito positiva sobre esse livro e uma mediana, mas depois da sua eu resolvi não ler mesmo! Gosto muito do gênero terror, mas tem que ser bom! E esse livro não me parece ser um deles, e sim tedioso e sem graça.

    Uma pena, mas não dá pra começar novas séries agora!

    Beijos! Adorei a resenha sincera.

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Nathália. Achei muito legal a sua sinceridade rsrsrs. É muito chato quando a gente lê um livro que não nos empolga, que deixa perguntas sem respostas e que tenha personagens sem graça....
    Eu geralmente não gosto de terror e este nem a sinopse me chamou a atenção.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Eu até tinha gostado da sinopse.... apesar de super medrosa adoro coisas sobrenaturais, mas depois do fantasminhas bizarros melhor não hahahahahahaha

    ResponderExcluir
  9. Oi Nathália, tudo bem? Eu adorei a sinopse e a capa, e pensava que o livro fosse bem assustador... mas lendo agora a sua resenha, me desanimei!! Detesto personagens sem sal e acho que também não iria gostar da Perry. Gostei da sua resenha sincera!!

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  10. Caraca... eu tinha me interessado bastante por esse livro. e fiquei bem feliz pois ganhei ele em uma promoção e to esperando chegar, mas esse já a terceira resenha negativa sobre o livro e fiquei bastante desestimulado em relação e isso.

    ResponderExcluir
  11. A capa e a sinopse do livro deixam a gente tão animado, aí vem vocês blogueiras com suas resenhas e destroem nossos sonhos de um bom livro UHASUAHSA perdi toda a vontade que eu tinha de ler esse livro.

    ResponderExcluir
  12. Eu estava com bastante vontade de ler esse livro. Eu adoro histórias de terror mas acho difícil achar uma que vale a pena mesmo. E é uma pena que esse livro não seja tão bom quanto eu achava, eu realmente achava que o livro era ótimo! E também não gostei de saber que a Perry é sem graça :/
    Ainda quero ler esse livro, mas ele já não é mais uma prioridade...
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Estava tão empolgada com esse livro mas ainda pretendo lê-lo,é bom saber que não se pode esperar muito dele assim não tenho minhas expectativas frustadas.De qualquer forma eu esperava muito mais dele e não sei se vou ler os próximos,não tenho tanta paciencia com séries que não fazem meu genero.

    ResponderExcluir
  14. Eu só queria dizer que eu sempre leio Dark Horse, ao invés de House, por causa da música da Katy Perry e quase caí pra trás quando li que o nome da personagem era Perry! rs
    Esse livro já inesquecível para mim!

    ResponderExcluir
  15. Aff que decepção heim!
    Também fico chateada quando o autor não responde aos meus questionamentos ao longo da trama...

    ResponderExcluir
  16. Um livro que não supera nossas expectativas é muito </3 Li várias resenhas que passavam a mesma impressão que você teve em relação a não dar tanto medo quanto esperavam... Acho que diante de tantos pontos negativos, eu passo a leitura :/

    ResponderExcluir
  17. Concordo com vc. Livro fraquíssimo. Medo não existiu em quase momento algum. No final talvez um pouco.

    ResponderExcluir