Resenha: A Vingança da Amante - Tamar Cohen

A VINGANÇA DA AMANTE
Autora: Tamar Cohen
Editora: Record
Páginas: 335
Sinopse: Sally e Clive viviam uma grande paixão proibida. Por cinco anos, Sally orquestrou sua rotina de jornalista freelancer e mãe de dois filhos para conciliar suas obrigações com os encontros tórridos e casuais com Clive. Daniel, seu marido, nunca desconfiou que a mulher tivesse um caso com um amigo da família. Um dia, sem mais nem menos, o amante resolve pôr um fim ao relacionamento extraconjugal na tentativa de salvar o casamento de mais de vinte anos, mas Sally não aceita o término. Ela fica obcecada pelo amante e não tem ideia de que essa obsessão pode levá-la a um caminho sem volta. A vingança da amante expõe os efeitos colaterais de um caso amoroso de forma perturbadora.

 Cortesia da Editora Record.

 Olá Leitores!
Hoje trago para vocês a resenha desse livro incrível! 

A vingança da amante foi um livro que quis lê logo que bati os olhos nele. Primeiro esse
título incrivelmente sugestivo e depois a capa. QUE CAPA É ESSA BRASIL!!! Linda e totalmente condizente com a narrativa. Como sempre A Ed. Record arrasou!
"Nunca se envolva com alguém que tem menos a perder que você" 
Essa e a primeira lição que aprendemos neste livro.
Sally é uma pessoa infeliz. Ela sofre diariamente com o fim do seu relacionamento extraconjugal com Clive. Não consegue aceitar que tudo o que eles viveram junto, todo o "amor", todas as promessas, todos os planos não se concretizarão.

"Você costumava dizer que nos éramos como as duas metades da laranja. 
Agora fico pensando se não éramos só o bagaço" (p.37)
 Sally possuía alguns trabalhos em comum com Clive e acabaram se tornando amigos. Isso aproximou os casais Clive e Susan e Sally e Daniel como uma dupla de casais amigos que sempre se visitavam e compartilhavam momentos juntos
O relacionamento entre Sally e Clive começou com uma troca de e-mails profissionais que acabou evoluindo para conversas intimas, até encontros pessoais.
No começo, não era nada sério, eles queriam apenas aproveitar a companhia um do outro, mas depois de anos e de tantas declarações apaixonadas Sally descobriu que Clive era o amor de sua vida e que não poderia mais viver sem ele.
Até que um dia, após cinco anos de "relacionamento" ele resolver por um fim a tudo.

Obviamente Sally não consegue aceitar que tudo esta acabado.
Ela simplesmente fica obcecada e completamente inoperante. Não consegue mais cuidar da cada, dos filhos, de si. Começa a fazer terapia e se enche de remédios para tentar minimizar a falta dele em sua vida, mas nada disso adianta.
Inconformada com a distancia entre eles, Sally começa a se envolver com Susan, esposa de Clive, para que assim ela possa conviver em seu meio. Por outro lado, Encontramos Daniel tentando resgatar a esposa que anda perdida em toda aquela depressão.

O livro é narrado em forma de diário, pois escrever o diário foi uma recomendação da terapeuta de Sally, Dra Helen.
A narrativa é mais do que envolvente. Diria que é impossível largar.
Sinceramente, não é um livro com muita ação, mas é intenso. A todo momento ficamos imaginando qual será o próximo passo de Clive ou de Sally e confesso que a torcida pelos personagens variam um pouco, pois há situações em que queremos abrir a cabecinha de Sally e faze-la entender que as coisas mudam.
Enfim, gostei muito da escrita de Tamar Cohen, apesar do final não ser exatamente o que esperava, não deixou de ser surpreendente. Pelas minúcias e intensidades, evidencia o brilhantismo dessa autora.
Sem palavras para definir, o livro é mais do que recomendado.
Leitura obrigatória para todos os amantes de romances psicológicos, com uma pitada de suspense e muitas reviravoltas!

Quem ficou com vontade de ler?
Já leram?
Contem tudinho para nós. 

-Rizia

20 comentários

  1. oi
    Eu nunca tinha lido nada sobre isso livro e agora que li... estou muito curiosa! Eu acho errado traição, ainda mais uma mulher casada, com filhos. Imaginar uma busca por vingança ao ser largada... adorei o que você escreveu e adorei as quotes! vai para minha lista de desejados no skoob!

    tem postagem nova no meu blog
    te espero por la!
    http://dudikobayashi.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oie Rizia
    eu tive o mesmo sentimento ao ler o livro. Amei a narrativa. Dá a impressão que estamos espiando a vida de Sally sem sua permissão rs
    E o final foi surpreendente mesmo
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  3. Oiee ^^
    Lendo a sinopse eu não fiquei com vontade de ler, mas a sua resenha me deixou curiosa. Gosto quando os livros são narrados em forma de diário, e a editora realmente arrasou na capa!
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Ai amo capas assim, Record capricha.
    A sinopse me agradou também, espero conferir logo.

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Vi alguns posts a respeito do livro, mas até agora não tinha parado para ver sobre o que se tratava. E olha, me surpreendi sobremaneira. Adoro livros que dissecam o aspecto psicológico dos personagens, ainda mais quando feito através de uma narrativa mais intimista. Com certeza vou adicioná-lo na minha lista de futuras leituras.
    Beijos,
    Isabelle | http://www.mundodoslivros.com/

    ResponderExcluir
  6. Oi Rizia, muito bom quando um livro nos encanta e envolve do jeito que este fez com você.
    Eu não conhecia o livro e nem a autora. Apesar de ter adorado sua resenha e de ter achado a premissa do livro, acho que neste momento eu não leria. Mas, a dica fica anotada. Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  7. Adorei a sua resenha, não conhecia o livro e nem a autora, porém gostei muito da história. Sou apaixonada por histórias desse tipo, já está anotado essa dica aqui!
    pactoliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Ainda não conhecia esse livro e fiquei curiosa! Só não curti muito o fato de ser narrado em forma de diário, sabe? Mas a capa é linda mesmo!

    Beijos,
    Inara
    www.lerdormircomer.com.br

    ResponderExcluir
  9. Eu sou péssima pra acompanhar novos lançamentos, nossa senhora UHASUASUHASUAHSUAHS Não curti tanto assim a capa, mas gostei do nome e da premissa. Costumo gostar de livros que trabalhem mais o psicológico do personagem, mas tenho problemas com livros escritos como diários..

    bjos,
    Bianca

    www.blogsomaisum.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Gente, nunca tinha visto esse livro, como assim? rs. Fiquei bastante curiosa com a premissa e gostei do fato de ser escrito em forma de diário, isso deixa conhecermos melhor o que se passa na mente da personagem. Valeu a dica ;)

    http://nerdicesdeumagarota.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Não conhecia esse livro, depois da postagem curiosa RSRSR
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Eu gostei bastante da sua resenha sobre este livro e já anotei para procurar onde comprar. O título não tinha me interessado muito não, mas ao ler a resenha vi que a história parece ser bem interessante e agora estou curiosa rs.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oie Rizia =)

    Não conhecia o livro, mas fiquei curiosa para saber como tudo termina. Parece ser um livro com um enrendo bem denso e interessante.

    Dica anotada!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  14. Oiee.

    Não conhecia o livro, mas ele me parece bem interessante! Gostei muito da capa e apenas por se falar de vingança eu já quero rs.
    Deve ser um ótima leitura

    Beijos
    www.amorliterario.com

    ResponderExcluir
  15. Fiquei com uma imensa vontade de ler este livro após a resenha. Ah, e parabéns pelo blog, já estou acompanhando.

    Abraços! Teens in Wonderland

    ResponderExcluir
  16. Olá Rizia! :D

    Romance + suspense? Minha combinação preferida! Adoro livros fortes, marcantes, psicológicos! Este parece ser exatamente assim, e acho que é um para entrar para os meus favoritos! Vou adicioná-lo aos meus desejados agora mesmo <3

    Beijos,
    Ana M.
    www.vicioemlivros.com

    ResponderExcluir
  17. Achei essa capa muito linda. Gosto muito de livros escritos em formas de diário, por isso acho que vou gostar. Anotado aqui.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  18. Oi Rizia!

    Gostei da capa do livro, e também da premissa mas não sei se iria gostar do livro em si por ser em formato de diário e apesar da temática ser bem séria e forte, remete a alguns filmes/séries que já vi, não acho que seja nada de novo. Mas acredito que quem curta muito esse tipo de livro vai gostar com certeza!
    Eu recomendaria pela premissa! Gostei muito da resenha também =)

    Beijos!

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Rízia, minha querida, comecei a leitura e vim conferir sua resenha para endossar que o livro é bom mesmo.
    Eu tb amei essa capa! Apesar de estar ainda no início, já posso sentir todo o potencial destrutivo dessa mulher, rsrs.
    Beijinho. Depois te conto o q achei.

    ResponderExcluir
  20. Anônimo16:05

    Gostei muito, mas é irritante, senti um incômodo muito grande pela falta de controle dela... raiva pelo desmazelo com os filhos...enfim

    ResponderExcluir