Resenha: Estudo Independente

Estudo Independente


Autora: Joelle Charbonneau
Editora: Única
Páginas: 320
Sinopse: Cia Vale tem dezessete anos e tem tudo o que sempre sonhou: um amor perfeito, um lugar na universidade e um futuro como uma das líderes da Comunidade das Nações Unificadas. No entanto, apesar de todos os esforços do governo para apagar a memória de Cia, ela ainda lembra o que aconteceu. Ela precisa escolher entre ficar em silêncio e proteger a si mesmae as pessoas que ama ou expor o Teste e o que ele na verdade é, um programa assassino que deve ser impedido. O futuro da Comunidade depende dela.

Estudo Independente no Orelha de Livro & Skoob

Estudo Independente é a continuação de O Teste, e quem leu a resenha de O Teste viu que não me dei muito bem com a leitura/enredo. Mas nesse segundo capítulo da trilogia, alguns pontos melhoram na narrativa.

Vi que a personagem narradora, Cia, teve um crescimento em o Estudo Independente, isso não posso negar. Houve um maior desenvolvimento na narrativa também, o enredo deu uma reviravolta muito boa, mas assim como em O Teste, a narrativa ora ficava muito interessante ora ficava muito lenta.

"- Qualquer pessoa que tenha que trapacear pra ganhar não merece estar aqui. E também não faz parte da minha equipe. Tem uma equipe à nossa frente. Prefiro gastar nosso tempo alcançando-a, do que sacaneando equipes que já estão pra trás. Se vocês não concordam podem ficar aqui e fazer a merda que bem entenderem."

Em o Estudo Independente, Cia participa de outro "teste" para finalmente entrar oficialmente na faculdade e na área que ela quer estudar. Então durante esse segundo teste, foi a parte mais arrastada durante a leitura, os poucos diálogos continuam no enredo (um dos pontos principais de eu não gostar tanto da narrativa), mas o bom é que teve um pequeno espaço pra criar o novo vilãozinho, o Damone (aka Malfoy), durante esse novo "teste".

Cia vai se mostrando bem inteligente e estudiosa, porém os organizadores de O Teste querem que ela tenha mais dificuldade que os outros estudantes porque estão percebendo que Cia continua com a memória de seu Teste, então ela está se tornando uma pedra no sapato.

"Quantas pessoas que caminham pelos corredores dessa prédio conhecem a verdadeira natureza do Teste? Quantos mais fingiram de surdos por não querer ouvir e reconhecer o que, por ignorância, toleram?"

E graças, os rebeldes apareceram! Graças porque finalmente o pensamento em revolta e revolução pela Cia surge e também porque graças ao grupo rebelde temos um gancho para o terceiro livro da trilogia ao final de o Estudo Independente. Pelamor, foi sensacional o final.

"Quanto maior o governo, maior a população que ele pode assumir. Quanto maior a população, menos nossos lideres se sentem pessoalmente responsáveis por cada cidadão sob sua proteção. Fica mais fácil sacrificar alguns pelo bem de outros."

A relação de Tomas e Cia é uma das mais superficial que já li, mas o bom é que a Cia não abre mão de seus ideais por causa do Tomas, então dá pra passar batido por esse romance mixuruca.

"Apesar de tudo que aconteceu, acredito nele. Eu o amo."

Algo que me incomodou durante a narrativa foi a falta de revisão da Editora, erros de digitação, palavras cortadas, coisas tão simples que passaram batido pela Editora D:

Mas em suma, esse segundo capítulo da trilogia deu uma melhorada (que não esperava), agora é só aguardar o capítulo final pra saber como a Cia vai se organizar com os Rebeldes para de fato acabar com O Teste...Se é que isso irá acontecer... Minha suposição -q

Livro cedido em cortesia com a Editora


4 comentários

  1. Eu estou bastante curiosa por esse continuação, principalmente pelo modo que o primeiro acabou! Eu confesso que a revisão dessa editora está deixando a desejar mesmo...

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Vou ler esta semana, gostei muito do primeiro e espero que a autora mantenha o ritmo.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  3. Oi, Nathalia!
    Eu ainda não sei o que pensar dessa série. Tenho visto as resenhas de O Teste, e percebo que a recepção é bem legal e, a história em si, muito aplaudida. Mas eu ainda acho tudo muito parecido com outros livros do gênero... Mas, sim, eu quero ler e conferir... Acho sim que posso gostar.

    Abraços,
    Diego.

    pecasdeoito.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Nathália, tudo bem?
    Não conhecia a série, e por sua resenha deu para perceber que é mais uma série distópica, o que não me agrado muito.
    Gostei da premissa do livro e sua resenha está bem esclarecedora.
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir