Resenha Premiada: Diário de Classe - Isadora Faber

Diário de Classe
Autor: Isadora Faber
Editora: Gutenberg
Página: 272
Sinopse: Aos 13 anos, Isadora Faber, uma estudante de escola pública de Florianópolis (SC), indignada com os problemas de ensino e infraestrutura de seu colégio resolveu criar uma página no Facebook, o Diário de Classe, para denunciá-los. Chamou a atenção da imprensa nacional e internacional, mobilizou milhares de seguidores e conseguiu as mudanças que reivindicou. Sua jornada, no entanto, foi árdua: sofreu críticas, ameaças, represálias, agressões e processos. Porém, não desistiu, e hoje tem mais de 625 mil seguidores, inspirou a criação de mais de cem Diários de Classe, já participou de inúmeras palestras e eventos, ganhou prêmios e fundou a ONG Isadora Faber, com a qual continua seu trabalho por uma educação pública de qualidade no Brasil. Mais que um relato de coragem e do poder do webativismo, este livro é um retrato perturbador da situação da educação e dos serviços públicos brasileiros, que grita por cidadania e por transformações urgentes. SKOOB

Olá Leitores!
Recebi esse presente da Editora Gutenberg e tenho o maior prazer de compartilhar minhas impressões com vocês.
Acredito que muitos de vocês lembram de notícias acerca do Diário de Classe. Trata-se em uma página no Facebook, criada por uma garota de apenas 13 anos para denunciar o caos em que se encontrava sua escola. Na época, lembro que achei bastante corajosa sua atitude, porém , não imaginava o quanto foi preciso lutar para manter uma página dessas.


"Quantas vezes você já viu um absurdo acontecendo, ficou indignado, mas não fez nada?(...) Mas aposto que você chegou em casa, ficou pensando naquilo e teve uma vontade enorme de voltar no tempo e fazer alguma coisa para impedir que aquele absurdo continuasse. Já aconteceu com você? Pois é, comigo já. E foi por isso que eu comecei o Diário de Classe...(p.23)"

Diário de Classe - A Verdade é um livro onde Isadora conta como tudo começou, os primeiros resultados, as dificuldades enfrentadas, repercussão, a criação da ONG e dicas e incentivos para criar "diários de classe"em todas as escolas.
Não sei se vocês sabem, mas sou formada em Letras e apesar de nunca ter ensinado, durante meu estágio e alguns anos em que convivi com escolas públicas pude constatar a triste realidade de muitas delas.  Portas e ventiladores quebrados, fios soltos e desencapados, cadeiras e paredes feias, portas sem trinco e outros problemas denunciado no Diário de Classe de Isadora Faber são bastante comuns em diversas escolas do nosso pais, infelizmente.

É emocionante ver que uma garota foi capaz de enfrentar diversa dificuldades, xingamentos, processos  e até mesmo ameaça de morte para tentar garantir aquilo que é um direito de todos: Educação de Qualidade. É vergonhoso também saber que aqueles que deveriam apoiá-la, pois fazem parte disso, a comunidade escolar, foi a primeira e desmotivar e  repreender. Sim. Muitas vezes é isso que acontece quando se fala a verdade.

"Os professores não tiravam o olho de mim, mandavam indiretas dizendo que a internet nunca iria fazer uma revolução. Me pressionavam de todos os jeitos, tentavam me ridicularizar... (p.68)"

A narrativa é uma linha do tempos com os e diversos post do Facebook reproduzidos. A leitura é bastante acessível e acredito que o livro foi escrito objetivando o acesso de alunos do ensino fundamental e médio, em especial.
Algo que chamou bastante minha atenção foi o apoio incondicional da família. Sem eles, com certeza ela não teria conseguido.
É muito gratificante acompanhar as conquistas e evolução do Diário de Classe. Diversas palestras, encontros e outros levaram à criação da ONG Isadora Faber que tem como objetivo a realização de projetos educacionais, entre outras coisas.

Quem quiser saber mais e acompanhar o Diário de Classe, segue os links!

Facebook - https://www.facebook.com/DiariodeClasseSC?fref=ts
ONG - http://www.ongisadorafaber.org.br/ONG_Isadora/Bem-vindos.html

Pensando na maravilhosa experiência de leitura do Diário de Classe, O Livroterapias e a Editora Gutenberg resolveram sortear um exemplar para vocês!
É fácil participar, basta preencher o formulário abaixo.
O sorteio acontece dia 27/06/2014!


a Rafflecopter giveaway

Gostaria de agradecer mais uma vez a Editora Gutenberg pela cortesia. =)
Espero que tenham gostado e participem!
Recomendo a leitura a todos!

 

10 comentários

  1. Não tem como você não ficar de queixo caído com as mudanças que uma garota de 13 anos fez e continua tentando fazer na educação do Brasil. Uma pessoa dessas é o que eu chamo de 'futuro da geração' e abracemos essa proposta!

    ResponderExcluir
  2. Aí está um livro que eu quero MUITO ler, lembro quando começaram a sair notícias da Isadora, a história dela é muito curiosa. É admirável.

    Beijão

    ResponderExcluir
  3. Que livro! Meus parabéns pra Isadora, que não se calou frente a injustiça e fez tudo o que pôde pra melhorar a educação na sua escola e acabou ajudando todo o Brasil. Um tapa na cara da sociedade, sem dúvidas.
    Gostei muito dos trechos do livro, vou procurar pra ler.

    ResponderExcluir
  4. Nao tainha ouvido falar.. Mas fiquei bastante interessada nele pelo seu post!
    http://foreverabookaholic.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Eu acompanhei a história desta menina pela televisão e admiro muito ela, tão nova e tão correta, tão obstinada, deveria servir de inspiração para muita gente.

    Beijoks, Van - Blog do Balaio
    balaiodelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Ih, lembro sim. Muito corajosa e determinada essa menina!
    Não é o estilo de leitura que curto, mas acredito que seja bastante interessante conhecer o processo todo, até porque ela mostra maturidade e responsabilidade apesar da pouca idade.
    Beijinhos!
    Giulia - Prazer, me chamo Livro

    ResponderExcluir
  7. Oi Rizia, eu não conhecia o assunto. Nem mesmo sabia da página aqui no facebook, mas achei a ideia dela super válida e corajosa. Ainda mais com tão pouca idade. Eu não curto muito livros neste estilo, mas achei o assunto tão legal e interessante, que resolvi participar do sorteio. Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi Flor... achei super interessante... incrível como uma criança pode ser tão madura a esse ponto... minha filha tem 11 anos e não tem muito esse espirito... apesar que ela gosta muito de coisas que envolve a natureza e o meio ambiente, acho incrível as ideias que ela tem na sala de aula e a empolgação quando ela me conta as coisas.... essa menina está de parabéns.... Xero!!!
    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Essa menina é madura pra idade! Daquelas pessoas que dizemos que 'já nasceram velhas'. Porque é muito inteligente e ousada, corajosa, de coração puro e cheia de boas intenções. Quando essa garota crescer... vai ter sucesso na sua luta, sempre!
    Excelente dica de leitura, tb quero!
    Beijo!

    Minha nova resenha, adorarei saber a sua opinião:
    Ler para divertir

    ResponderExcluir
  10. Eu me lembro dessa página e da repercussão que teve, na epoca eu acompanhava tudinho e morria de vontade de fazer igual, estudei em várias escolas públicas, e infelizmente era tudo exatamente como ela mostrava ser a escola dela. Esse livro deve ser bem interessante, uma boa forma de saber exatamente tudo o que aconteceu

    ResponderExcluir