Resenha: Never Sky - Sob o Céu do Nunca

Never Sky #1
Autora: Veronica Rossi
Editora: Prumo
Páginas: 336
Sinopse: Desde que fora forçada a viver entre os Selvagens, Ária sobreviveu a uma tempestade de Éter, quase teve o pescoço cortado por um canibal, e viu homens sendo trucidados. Mas o pior ainda estava por vir... Banida de seu lar, a cidade encapsulada de Quimera, Ária sabe que suas chances de sobrevivência no mundo além das paredes dos núcleos são ínfimas. Se os canibais não a matarem, as violentas tempestades elétricas certamente o farão. Até mesmo o ar que ela respira pode ser letal. Quando Ária se depara com Perry, o Forasteiro responsável por seu exílio, todos os seus medos são confirmados: ele é um bárbaro violento. É também sua única chance de continuar viva.


Pra quem já tinha abandonado A Hospedeira pelo começo confuso, eu gostei até demais de Sob o Céu do Nunca. Estou fazendo essa pequena comparação entre as duas obras, porque ambas começam já jogando todas as informações do mundo em que os personagens se encontram e no decorrer não há explicação concreta de como se acarretou isso - mas só em A Hospedeira aconteceu isso.

Por mais que seja confuso do que é e de como existe o Éter, esse livro me fez arrancar os cabelos!

Primeiro de tudo, a narração é alternada maaaaaas é em terceira pessoa; diagramação está ótima; as gravuras do início dos capítulos eu achei muito bonito; a capa metalizada - perfeição - se bem que também gosto muito da capa original. Sério, essa edição da Prumo tá linda!

Sob o Céu do Nunca conhecemos duas realidades, a da Ária e do Perry. Ária é a expulsa da Quimera - onde vive - e é largada num território em que ninguém vive mas os Selvagens conhecem e lá Perry - Selvagem - decide se juntar a essa garota para que ele ache o seu sobrinho e ela ache sua mãe.

Perry é um cara que tem um "dom", ele é olfativo, ou seja, ele consegue sentir as verdadeiras emoções de uma pessoa pelo cheiro, a maioria das pessoas da tribo dos Selvagens tem esse dom ou outros, enquanto a espécie da Ária vive numa realidade falsa. No mundo da Ária eles utilizam de uma lente para viver de forma virtual, fazem o que quiser e vão pra onde quiser, sem ter o contato direto com pessoas de verdade.

Eles vão juntos atrás de dois objetivos diferente, então as farpas serão trocada entre eles, a tensão aumenta a cada página no desenvolvimento deles juntos e me apaixono por ambos. Ária não é a garota chata, por mais que o Perry pense que ela seja fraca eu a achei muito forte em todo o livro e principalmente ao final! E o Perry é totalmente fora do padrão mas é apaixonante.

E preciso dar um salva de palmas para a escrita da Veronica Rossi, ela conseguiu passar perfeitamente como Perry sentia os odores, como cada emoção era sentida por ele e eu acredito que nunca li algum livro tão bem detalhado e descrito - nesse sentido das emoções ft. cheiros.

Veronica também fez um trabalho muito bom nos personagens secundários, principalmente com Cinder que foi o grande mistério do livro pra mim. Um garoto muito poderoso e que espero que tenha mais espaço no segundo livro.

Sob o Céu do Nunca foi tudo que um livro pode ser: dramático, romântico, eletrizante, misterioso. Tudo isso de uma forma organizada e sem exageros.

- nathália

7 comentários

  1. Oie!
    É uma temática interessante, gostei.

    Beijos*
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Eita
    #desejando aqui, depois da sua resenha!

    http://umsenhorpalhaco.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oie :)

    Nossa eu estava doido nesse livro dei a bobeira de não comprá-lo mesmo estando 19,90, e agora lendo sua resenha tenho a certeza de que irei adquirir, beijos !!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/ ( comenta lá :D )

    ResponderExcluir
  4. Oi, Nathália. Oi, Rízia.

    Desde que eu vi que esse livro seria lançado, fiquei louca por ele. Aliás, nem sei porquê ainda não o comprei. Rs.
    Sua resenha me deixou ainda mais empolgada e gostei do dom de Perry, deve ser super legal saber qual é a verdadeira emoção da pessoa ao seu lado.

    Beijocas, meninas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Never Sky é um livro que eu venho cobiçando a muito tempo e só não comprei ainda pois achei muito caro até agora não vi nenhuma promoção. Sua resenha está ótima e me incentivou muito em ler o livro.

    http://compulsivebookaholic.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Hummm, que resenha cheia de emoção. Adoro quando isso acontece com um leitor, isso me deixa maluca pelo livro. Já anotei a dica aqui no meu caderninho de compras literárias, caderninho enorme por sinal...rsrs
    Bela resenha e deve ser mesmo uma história excelente, adoro esse gênero e quero muito ler.
    Beijos
    Viviane

    http://vivianeblood.blogspot.com.br/2013/07/hiatos-sete-motivos-para-viver-entre.html#more

    ResponderExcluir