Eu li, mas... #7 Não sou este tipo de garota



Autora: Siobhan Vivian
Editora: Novo Conceito Jovem
Páginas: 248
Sinopse: Perversa ou inofensiva? Confiável ou hipócrita? Controlada ou insensata? A vida é sobre suas decisões e escolhas, e Natalie Sterling se orgulha de sempre fazer as melhores. Ela ignora os caras populares e babacas da escola, sempre ganha medalhas de honra e está prestes a ser a primeira estudante jovem a ser presidente do conselho estudantil em anos. Se apenas todas as outras garotas fossem tão sensíveis e fortes. Como o grupo de novatas que querem ser brinquedos dos jogadores de futebol. Ou sua melhor amiga, que tomou uma decisão idiota que quase arruinou sua vida. Mas ser sensível e forte não é fácil. Não quando uma brincadeira quase a faz ser expulsa. Não quando seus conselhos dóem mais do que ajudam. Não quando um cara que ela já deu um fora se torna o cara que ela não consegue parar de pensar. A linha entre o certo e o errado foi distorcida, e cruzá-la poderá resultar em um desastre… ou se tornar a melhor escolha que ela já imaginou fazer. 

Arrependimento total em ler esse livro. Não consegui gostar de nada sobre a estória, não me acrescentou nada, só meu causou nervoso com as atitudes das personagens femininas desse livro.

Natalie é a garota exemplo, a centrada, a certinha, a que dá umas boas patadas em garotos, mas só que ela é muito extremista, ela não sabe a hora de parar com a seriedade, com 17 ou 18 anos a garota não se diverte, ela não é divertida em nada, mas não estou dizendo pra ela jogar tudo fora e acabar com o futuro dela, não estou dizendo pra ela largar o grupo estudantil, estou dizendo pra ela parar de ser uma pessoa mais rabugenta que uma velha de 89 anos.

Spencer, 14 anos e totalmente sem noção, ela é a Natalie ao contrário. É a garota que gostar de chamar atenção, gosta de ser alvo de fofoca - porque gosta de holofotes -, quer ser a mulher sensual com 14 anos para os garotos da escola dela. Isso eu não engoli de jeito nenhum, SpeNcer é totalmente fútil, quer dar uma de "sabedoria em relação aos homens" mas os """homens""" que ela conhece são só garotos que nem saíram da escola, que nem pensam como homens. Enquanto a Natalie é centrada demais (demais mesmo) a Spencer é a piriguete da escola - falando o português claro.

A autora não soube montar um enredo em que alguma hora eu entendesse Spencer ou Natalie, a cada folha eu as julgava mais e as detestava. E até pensei que eu estava com a mente muito fechada ou com pensamentos muito machista na leitura, mas eu me analisei e vi que o livro não fazia sentindo. O oposto de Spencer e Natalie foram discutidos o livro todo e em um único capítulo tudo se resolve mas sem profundidade.

Cadê os pais da Natalie? Acredito que quando o livro se trata de um assunto de adolescentes é cabível os pais terem uma participação no enredo, mesmo que a narração seja em primeira pessoa, em nenhum momento Natalie se sentiu capaz de ir até a mãe e conversar ou até mesmo a própria mãe, ela não percebia que a filha estava extremamente estressada pelas responsabilidades?

Em resumo, a leitura nem serviu pra um lazer, foi totalmente frustante.

Alguém já leu ou vai ler?

- nathália

15 comentários

  1. Anônimo10:23

    Eu não gosto de livro desse tipo, são realmente chatos e torturantes de se ler.

    ResponderExcluir
  2. Depois dessa sua resenha eu não leria nem se me pagassem HAHA
    Também detesto personagens esteriotipados que não mudam nunca... E essa coisa de adolescente pagando de sábio em relação a "amor", por favor...
    Adorei a resenha Kovaxxxx.

    ResponderExcluir
  3. Eu comprei esse livro e atualmente ele está emprestado nem li ainda, comprei após ter visto uma resenha mega positiva e fiquei muito curiosa, nem me lembro mais da resenha e ainda quero ler, mas agora com a sua opinião fiquei meio receosa afinal um livro que não acrescenta em nada e nos faz ficar com raiva geralmente atrapalha as minhas leituras, acho que não vai fazer mal eu adiar um pouco mais a leitura dele então.

    Abraços, Raquel.
    http://viajandoclivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Oie :)

    Nossa depois do que você disse quero passar bem longe desse livro hahahaha, para falar a verdade nunca me interessei nele mesmo, beiijos !!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/ ( comenta lá :D )

    ResponderExcluir
  5. "dá umas boas patadas em garotos" GI LE TE, apenas. Eu não tenho essa moral toda de não gostar de um livro ú_u ultimamente eu to tendo a sorte de gostar de todos os que leio. bjz.

    Esse lance de "cadê os pais dela" eu tbm fiquei assim em Por Isso a Gente acabou. A presença da responsável de Min foi MUITO curta e eu fiquei "mas só gente?"

    respondi seu comentário em meu blog, rs
    http://a-song-of-fire.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. em Por isso a gente acabou eu fiquei tão deprê mais tão deprê com a narrativa da min que nem senti falta deles ÇALKDÇLASKDÇLSKADLSÇALDKASD adorei aquele livro com toda minha alma LOL

      Excluir
    2. EU ODIEI O FINAL. COM TODAS. AS. MINHAS. FORÇAS

      Excluir
  6. Haha eu já tinah lido uma outra resenha negativa desse livro! haha
    Cada dia mais dificil este livro entrar na minha lista de leituras rs
    Livros Juvenis tem que ter uma boa historia e prender o leitor, acho que bons personagens e saber transmitir emoções são essenciais! Senào.. sem chance de o livro ser bom!

    Beijos!
    http://tamigarotaindecisa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Quando lançou esse livro, há um boooom tempo... Eu tinha interesse em lê-lo, mas depois o tempo foi passando e adeus vontade...


    Abraços!
    http://musicaselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Nuss, eu li e curti a leitura, acho que eu tava precisando de um livro besta assim e isso me ajudou, uma pena que tu não gostou...
    Respondendo o seu comentário na resenha de Desejo a meia -noite blog: assim os problemas familiares pra mim atrapalharam, mais o legal é isso nos livros, o que para alguns é ruim para outros é bom.
    Um Beijo, Brubs
    Livros de Cabeceira
    @IWannaRuffles

    ResponderExcluir
  9. Já li esse livro e gostei da leitura
    Vou bem leve e divertida

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Vixi, geralmente eu curto leituras desse tipo (que na metade das vezes eu quero esmagar a cabeça da protagonista com uma pedra), mas depois da sua resenha, sei não rs acho que vou deixar a leitura pra depois rs
    bjos

    ResponderExcluir
  11. eu ainda nao li esse livro sabe
    e nunca senti vontade
    pelo visto nem vou gostar

    ResponderExcluir
  12. Oi Natália. Quando vi você falando desse livro corri aqui para saber o que você achou... Estava (e ainda quero) animado para ler esse livro, mas não sabia que seria tão fútil e vazio assim. Pensava que seria algo mais bobinho e romântico e não com duas protagonistas opostas. Nossa, só por que sou curioso vou pegar esse livro para ler e formar uma opinião. Beijos, De Frente com os Livros

    ResponderExcluir
  13. Anônimo19:27

    Eu li ameiiii, simples mais cativante
    bjos Naty
    ass: Ana Doce Amarga

    ResponderExcluir